Redes sociais

Google+ Orkut-?


Com o lançamento do Google+ e o enorme sucesso que a nova rede social está a conseguir, muitos questionaram-se se a Google ia matar o Orkut. A rede social mais implantada no Brasil irá morrer, mas de morte natural. A Google não pretende deixar orfãos os mais de 30 milhões de usuários brasileiros.

Em menos de 15 dias, o Google+ (G+ para os íntimos) conseguiu angariar 10 milhões de usuários (O Facebook só o conseguiu ao fim de quase dois anos). O G+ é a rede da moda e está a ocupar grande parte do tempo dos principais responsáveis pela Google, que interagem com muita frequência com os restantes usuários. A aposta é grande em termos de negócio, mas também se nota um comprometimento pessoal da equipa.

Portanto, os outros projetos falhados, nomeadamente o Buzz e o Wave, irão ficar irremediavelmente para trás. E o Orkut?

O caso do Orkut é diferente. Não conseguiu marcar a agenda a nível mundial e perdeu definitivamente a guerra com o Facebook. Mas tem o Brasil e os seus mais de 30 milhões de usuários. Se este número equivale a nada à escala global e previsivelmente será atingido pelo Google+ nas próximas semanas, não deixa de ser muita gente, principalmente numa economia em crescimento.

É por isso que a base de operações do Orkut está no Brasil e é também por isso que a Google Brasil produziu um filme sobre os números desta rede social dias antes do lançamento do G+.

O pior cenário que poderia acontecer à Google era uma reação de revolta dos muitos que gostam do Orkut e um movimento migratório em direção ao Facebook, que está cada vez a ameaçar mais a posição dominante do Orkut no Brasil e já tem quase 22 milhões de usuários. Daí a divulgação deste vídeo dias antes do lançamento do Google Plus. Para descansar os usuários do Orkut.

Agora que sabemos que a Google não vai matar repentinamente o Orkut, a pergunta que se coloca é quanto tempo vai esta rede social sobreviver?


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *