Negócios

Sony, Toshiba e Hitachi juntos na produção de displays


Sony, Toshiba e Hitachi juntos na produção de displays

Os japoneses da Sony, Toshiba e Hitachi vão unificar as operações de produção de pequenos displays, numa fusão que tem por objetivo conseguir preços competitivos para combater os produtores sul-coreanos da Samsung  e a AU Optronics de Tawain.

A fusão ficará concluída na primavera de 2012 e irá criar economia de escala, tornando o grupo constituido pelas três empresas no maior produtor mundial de telas/ecrãs de cristal líquido para smartphones e tablets.

A operação é financiada pelo governo japonês, que deverá investir cerca de 2,6 bilhões de dólares através da Network Corp. A empresa detida a 90 por cento por capitais públicos ficará com uma percentagem de 60 por cento da nova conpanhia.

Tanto a Sony, como a Toshiba ou a Hitachi hesitaram longamente em investir em novas linhas de produção de displays de cristais líquidos, depois de o mercado se ter agitado com a queda dos preços destes componentes devida quer às imposições de constantes avanços tecnológicos quer a uma procura volátil.

A Sharp e a Samsung são as atuais líderes de mercado a nível mundial, mas o conjunto da Sony, Toshiba e Hitachi representam 21,5 por cento da produção de displays de cristais líquidos. Apesar de também ser japonesa, a Sharp ficou de fora deste grupo.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *