WD CRIA O DISCO RÍGIDO HÍBRIDO DE 2,5’’ MAIS FINO DO MUNDO Tecnologia, Western Digital

WD CRIA O DISCO RÍGIDO HÍBRIDO DE 2,5’’ MAIS FINO DO MUNDO


WD anuncia uma nova geração de discos rígidos com apenas 5 mm de espessura

A WD, uma subsidiária da Western Digital Corp. anunciou que tem prontas as primeiras amostras de uma nova geração de discos rígidos de 2,5’’ com apenas 5mm de espessura, os quais utilizam tecnologia híbrida (suporte magnético+memória flash)

A WD desenvolveu estas novas unidades para serem suficientemente finas para integração na nova geração de notebooks ultra-finos, oferecendo elevada capacidade de armazenamento e robustez ao mesmo tempo que permitem um arranque e desempenho das aplicações similar aos atuais dispositivos SSD.

Esta nova tecnologia será demonstrada no próximo dia 13, durante o Dia do Investidor da WD.

“Os dispositivos móveis estão cada vez mais pequenos, finos, leves e, ao mesmo tempo, mais rápidos”, disse Matt Rutledge, vice-presidente da divisão de soluções de armazenamento cliente da WD. “Ao trabalharm com os parceiros, a WD desenvolveu novos discos rígidos de 5 mm que permitem conjugar uma enorme capacidade de armazenamento com excelente desempenho e um preço ótimo, o que permite aos nossos clientes expandir as suas gamas de produtos com uma espessura mínima.”

Com a eficiência volumétrica dos dispositivos a tornar-se numa preocupação-chave para os fabricantes de sistemas, a WD começou a vender no início de 2012 os primeiros discos de 2,5’’ com 7mm de espessura, destinados sobretudo a notebooks de pequeno formato (historicamente, as espessura habitual para discos destinados a notebooks é de 9,5mm).

Os discos WD de 5mm permitirão aos fabricantes oferecer os mais finos computadores com capacidade de 500 GB utilizando quase menos 50% do volume da geração de discos de 9,5mm e com um preço por GB que é cerca de 10 vezes inferior ao de unidades SSD de capacidade semelhante.

“A Acer associou-se à WD para oferecer notebooks com avançado desempenho e grande capacidade no menor formato possível,” disse David Lee, vice-presidente associado da unidade de negócios Mobile Computing Product da Acer. “Faz parte do nosso empenhamento contínuo apresentar tecnologia líder que melhora a experiência de utilização total dos nossos clientes.”

“Estamos a observar uma mudança no mundo da informática para soluções de computação móvel mais poderosas”, disse por seu lado SY Shain, vice-presidente sénior da unidade de negócio de notebooks da ASUS. “Tendo isso em mente, a ASUS e a WD estão a colaborar na criação de notebooks e soluções móveis mais finas – mas sem sacrifício da capacidade ou do desempenho – para oferecer aos consumidores produtos ainda mais pequenos.”

Tecnologia Híbrida e Armazenamento Cliente em Vários Níveis (Client Tiered Storage)

A inovadora tecnologia híbrida da WD combina pares de memória flash tipo MLC NAND com discos magnéticos, para velocidade de acesso aos dados semelhante aos SSD e resposta de arranque instantâneo, de forma a oferecer grande eficiência e capacidade de armazenamento.

Similar à prática realizada em sistemas empresariais de muitos milhões de dólares, a tecnologia híbrida da WD utiliza o conceito de armazenamento por níveis (tiered storage). Num sistema deste tipo, os dados acedidos com maior frequência (habitualmente referidos como hot data) são geridos utilizando memória flash NAND para assegurar tempos de resposta rápidos, enquanto os dados de acesso mais infrequente (cold data) residem nos robustos discos magnéticos.

Comparado com soluções atuais de duas unidades, o desenho por níveis dos discos rígidos híbridos também oferece aos utilizadores o benefício da redundância. Os discos magnéticos criam cópias dos dados disponíveis nas memórias NAND, protendo o utilizador contra o inevitável desgaste da memória flash e preservando-a para a gestão de mais dados de acesso frequente.

A tecnologia híbrida da WD funciona em conjunto com o sistema operativo do PC, para um desempenho mais elevado do que as atuais ofertas híbridas ao mesmo tempo que minimiza o desgaste das memórias NAND, permitindo a utilização de memórias tipo MLC (Multi Level Cell), com menor custo.

Os discos rígidos híbridos combinam memória flash NAND com discos magnéticos, simplificando a integração de elementos de armazenamento para os clientes OEM e oferecendo um conjunto de benefícios para o utilizador final: desempenho superior, capacidade de resposta, menor consumo de energia, maior tolerância aos choques em funcionamento e proteção de dados.

E, ao contrário de sistemas de unidades duplas, a tecnologia híbrida da WD oferece um desenho homogéneo de unidade única que os fabricantes de sistemas OEM desde há muito pediam à indústria de armazenamento.

 


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *