100000-stars Internet

100.000 Stars: o novo mapa interativo da Google que permite explorar a Via Láctea


A Google lançou um novo serviço, o 100.000 Stars (estrelas), que permite navegar de forma realística pela Via Láctea.

A Galáxia da Via Láctea é uma galáxia espiral onde se encontra o Sistema Solar, cuja estrutura é composta por mais de 200 bilhões de estrelas (alguns especialistas dizem que tem o dobro).*

100.000 Stars: o novo mapa interativo da Google que permite explorar a Via Láctea

Numa nova experiência para o browser Chrome, a Google,  criou um novo serviço que nos permite explorar a Via Láctea, de forma interactiva e com visualização 3D.

Não precisamos de ser astronautas ou astrónomos para viajar pela nossa galáxia, mais de 100.000 estrelas estão ao alcance de um clique.

A navegação é fácil e intuitiva, é possível aproximar e afastar a imagem através do cursor que se encontra à direita da tela.

100000-stars-zoom

Mantendo o botão direito do rato pressionado podemos rotacionar a imagem e explorar a Via Láctea de forma completamente tridimensional.

100000-stars

Quer obter mais dados sobre uma estrela? Também é simples, é só clicar no nome e as informações pormenorizadas irão aparecer, numa caixa do lado esquerdo da tela (ecrã).

100000-stars-info

O 100.000 Stars foi desenvolvido recorrendo a dados e imagens reais de agências espaciais, como a Nasa e a ESA.

A tecnologia de programação, usada no desenvolvimento da aplicação, é baseada em  WebGL que permite a renderização gráfica tridimensional (3D) através da aceleração de hardware.

A utilização da aplicação 100.000 Stars só é possível com o Google Chrome, se ainda não o instalou pode baixa-lo através dos links abaixo:

Portugal: http://www.google.com/intl/pt-PT/chrome/browser/

Brasil: http://www.google.com/intl/pt-BR/chrome/browser/

Para terminar só resta dizer que é uma experiência fascinante, vale a pena experimentar.

100.000 Stars: http://workshop.chromeexperiments.com/stars/

Caso não queira instalar o browser da Google, mas ficou curioso, assista ao vídeo de apresentação.

* Wikipédia


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *