Notícias, Sistemas Operativos, Software, Tecnologia

LibreOffice 4.0.0 é disponibilizado para download gratuito


A Document Foundation anunciou a disponibilidade da versão final do LibreOffice 4.0.0 para as plataformas Windows, Linux e Mac. A nova versão como é habitual corrige um conjunto importante de bugs e adiciona melhorias ao software de produtividade. Entre as novidades destacam-se a melhoria do suporte para a interface Unity usada no Ubuntu, compatibilidade com temas do Firefox e suporte para o formato Microsoft Publisher.

De acordo com a Document Foundation, o LibreOffice tem crescido de forma a se afirmar como o maior projecto de software independente e livre focado em conferir altos graus produtividade ao usuário final.

Florian Effenberger, presidente do Conselho de Administração da Document Foundation, prestou a seguinte declaração a propósito da mais recente versão do software de produtividade.

“LibreOffice 4.0 é um marco na interoperabilidade e uma excelente base para o nosso trabalho contínuo para melhorar a interface do usuário.”

“Nosso projeto não só é capaz de atrair novos programadores de forma regular, mas também cria uma plataforma transparente de cooperação baseado em princípios fortes do Software Livre, onde os colaboradores patrocinados por grandes corporações e colaboradores voluntários contribuem para atingir o mesmo objectivo”.

img_libreoffice_4_02

Embora do ponto de vista da interface com o utilizador não se notem diferenças significativas como estamos habituados a ver por exemplo entre versões do Office da Microsoft, existem contudo melhorias importantes ao nível de funcionalidades e melhorias sobretudo na leitura e edição de formatos..

Confira de seguida as principais novidades do LibreOffice 4.0.0:

  • Integração com conteúdos diversos e sistemas de gestão de documentos – incluindo Alfresco, IBM FileNet P8, Microsoft Sharepoint 2010, Nuxeo, OpenText, SAP NetWeaver Service Cloud e outros – através do padrão CMIS;
  • Melhorada a interoperabilidade com os documentos DOCX e RTF, graças a várias melhorias e novas funcionalidades, como a possibilidade de importação de anotações “ink” e anexar comentários a blocos de texto;
  • Os utilizadores podem agora importar documentos do Microsoft Publisher, e foram adicionadas melhorias nos filtros de importação do Visio, sendo introduzido suporte para a versão de 2013;
  • Adicionadas melhorias incrementais na interface com o utilizador, incluindo a integração com a interface Unity do Ubuntu e suporte para temas do Firefox (Personas) para conferir uma aparência personalizada ao LibreOffice;
  • A técnica de layout widget para janelas de diálogo foi adicionada, o que torna mais fácil de traduzir, redimensionar e ocultar elementos da interface do utilizador, reduz a complexidade do código, e estabelece uma base para uma interface do utilizador superior;
  • Opção de cabeçalho e rodapé diferente na primeira página de um documento no Writer, já não necessita de um estilo de página separada.

Para uma lista completa de actualizações e novas funcionalidades consulte aqui o “changelog” oficial. Caso pretenda descarregar o LibreOffice siga os links abaixo, dependendo do seu sistema operativo.

Site Oficial: LibreOffice
Licença: GNU LGPLv3 e MPL
Dowload: LibreOffice 4.0.0 para Windows XP/Vista/7/8 [pt_PT e pt_BR]
Dowload: LibreOffice 4.0.0 para Mac OSX [Tradução pt_PT, Tradução pt_Br]
Dowload: LibreOffice 4.0.0 para Linux DEB (Ubuntu/Debian – 32 bits) [tradução pt_PT, Tradução pt_BR]
Dowload: LibreOffice 4.0.0 para Linux DEB (Ubuntu/Debian – 64 bits) [tradução pt_PT, Tradução pt_BR]
Dowload: LibreOffice 4.0.0 para Linux RPM (Fedora/OpenSuse – 32 bits) [Tradução pt_PT, Tradução pt_BR]
Dowload: LibreOffice 4.0.0 para Linux RPM (Fedora/OpenSuse – 64 bits) [Tradução pt_PT, Tradução pt_BR]


5 comentários em LibreOffice 4.0.0 é disponibilizado para download gratuito

  1. Muito Bom, Estava esperando.. espero que tenham melhorado a performance!

    Rui Oliveira…

    “LibreOffice 4.0.0 é disponibilizado para download gratuito”

    O Titulo da Sua Postagem dá a entender que o LibreOffice nao era Gratuito!

    • Rui Oliveira

      Rodrigo, de facto está melhor mas nada como experimentar. Lamento se entendeu isso, mas como o nosso blog é de tecnologia generalista nem todos os nossos leitores conhecem o LibreOffice e sabem sequer que é gratuito. Por isso salientámos isso mesmo no artigo. Mas compreendo o que quis dizer 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *