Imagem & som, Mobile, Notícias, Tecnologia

Google anuncia especificações base do Google Glass


Juntamente com os primeiros detalhes da API do projecto Google Glass, a Google publicou hoje uma lista de especificações técnicas para os seu dispositivo de “Weareable computing”. Conheça as principais características do Google Glass, a mais recente peça de engenharia da Google.

Com base nas especificações agora reveladas no site oficial do projecto, o Glass inclui um “display” com uma resolução de 640 x 360 que o Google diz que equivale ao nível de uma perspectiva de visão a “um display de 25 polegadas de alta definição a uma distância de 2.5 metros”. Os óculos revolucionários da Google incluem uma câmara de 5 megapixels capaz de reproduzir e gravar vídeo na norma 720p, e a saída áudio é transportada através de um transdutor de condução óssea.

O Google Glass numa primeira fase vai possuir 16GB de armazenamento interno em memória flash, dos quais 12GB realmente serão utilizáveis (com o restando a ser dedicado ao sistema). O dispositivo vai permitir sincronizar com a “Google Cloud Storage” – presumivelmente será a mesma infraestrutura por detrás do serviço Google Drive. Os óculos poderão contar com almofadas na zona da armação que rodeia o nariz que vai ser ajustáveis para que “encaixem em qualquer face”, e poderá adicionar almofadas extras disponíveis em dois tamanhos.

Quanto à bateria, o Google afirma que o Glass vai durar até “um dia inteiro de uso normal”, apesar de acrescentar de fazer notar, que certas aplicações tais como gravação de vídeo e Hangouts vão ter um impacto maior sobre a autonomia. Embora os óculos da Google permitam ser carregados por intermédio de qualquer conector Micro USB, a Google incentiva os proprietários do dispositivo a usar o cabo USB incluído para uma vida “longa e próspera”.

img_glass_especificacoes_02

Quanto ao campo da conectividade, o Glass suporta 802.11b / g Wi-Fi e é compatível com “qualquer telemóvel compatível com Bluetooth”, embora o nível de funcionalidade que irá obter desta ligação poderá variar. A lista de especificações também menciona um aplicativo chamado “MyGlass” para telefones com Android 4.0.3 ou superior, o que vai permitir activar suporte para GPS e SMS.

A pergunta feita por todos os entusiastas de gadgets quando começam a ser conhecidas as especificações técnicas é: mas quando é que poderemos ter acesso ao Google Glass? Não temos a resposta a essa pergunta, mas o que podemos afirmar é que certamente já faltou mais. As primeiras unidades vão começar a chegar a um conjunto selecto de utilizadores nas próximas semanas. Com base num email enviado pela Google e que a Engadget teve acesso, as primeiras unidades terão mesmo começado a ser enviadas para os primeiros “testers” já hoje.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *