Andrew-Brackin Negócios, Notícias

Jovem britânico recebe oferta de 100.000 dólares para desistir de universidade


Andrew Brackin, um adolescente de 18 anos de idade, ganhou um prémio de 100.000 dólares, para ir morar para S. Franscisco e  dedicar-se exclusivamente ao desenvolvimento do seu projeto de negócio.

O adolescente é um dos 20 jovens empresários que  estão a ser patrocinados por Peter Thiel, um dos fundadores do PayPal e um dos primeiros investidores do Facebook, que acabou por se tornar a maior rede social do mundo.
No entanto para poder receber o prémio, Andrew, é obrigado a aceitar uma condição, tem que concordar em “saltar” a universidade e evitar, durante pelo menos dois anos, qualquer outro tipo de estudo formal.

O jovem britânico foi selecionado entre milhares de candidatos dos Estados Unidos e de outros 48 países.
Andrew Brackin chegou às semi-finais através de chamadas e entrevistas via Skype. Para a fase final, o adolescente, teve que voar para a Califórnia e fazer a sua apresentação para “pessoas importantes” do Vale do Silicio (Silicon Valley”).
Todos os finalistas tiveram que expor o seu projeto, sem notas escritas antes de uma audiência no Yerba Buena Center, em S. Francisco, local  onde que Steve Jobs fez a apresentação do primeiro iPad.

Andrew pretende usar o dinheiro para desenvolver a Bunchy, uma plataforma online que permite que instituições de caridade e outras organizações levantem dinheiro a partir da sua audiência em redes sociais e sites.

O jovem é o segundo a britânico a receber o prémio Thiel Fellowship, criado por Peter Thiel e atribuído a 20 adolescentes por ano, de forma a poderem parar de estudar e em vez disso tentarem montar os seus negócios.

O bilionário é conhecido pela sua crítica à educação universitária tradicional, considerando-a um desperdício de tempo e dinheiro para alguns estudantes.

O programa “20-under-20″, criado por Thiel, paga a cada vencedor 100 mil dólares durante de dois anos, dinheiro esse que pode ser usado para cobrir as despesas e os custos empresariais.

Para o desenvolvimento do seu negócio, os adolescentes selecionados também recebem ajuda de Thiel e de outros empresários de sucesso de Silicon Valley, região da Califórnia, em torno de San Francisco, que é o lar de diversas empresas de referência, como o Google, Facebook e Yahoo!

“Eu sinto que muitas pessoas vão para a universidade sem pensarem naquilo que realmente querem fazer”, disse Andrew, que frequentou a Brit School (escola estatal no sul de Londres), onde estudaram algumas personalidades como as cantoras Amy Winehouse e Adele.

“Há outras opções para as pessoas que sabem o que querem e não precisam necessariamente de um diploma para chegar lá.”, continuou o jovem britânico de 18 anos.

Curiosidades acerca de Peter Thiel

  • Thiel é um bilionário e um dos fundadores do Paypal, uma plataforma de transferência de dinheiro e pagamentos online.
  • Foi um dos primeiros investidores a acreditar e a colocar dinheiro no Facebook (em 2004).
  • Foi destaque no filme de 2010 “The Social Network” (A Rede Social), onde foi interpretado pelo ator Wallace Langham.
  • LinkedIn, Zinga e Spotify foram outras empresa que também receberam investimentos deste bilionário.

 

Fonte do artigo: BBC


1 comentário em Jovem britânico recebe oferta de 100.000 dólares para desistir de universidade

  1. Pamella Alencar

    nossa que legal, precisamos de mais pessoas como o Peter Thiel, muito legal, queria eu ter essa sorte.. alguém me passa o contato dele.. tenho uma grande ideia!!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *