OLX ultrapassa 1 milhão de visitas diárias e vai apostar no mobile em 2016 Internet, Notícias

Campanha Desapega é sucesso no YouTube


A Campanha Desapega é um verdadeiro sucesso entre os internautas brasileiros, com os seus anúncios a serem visto por milhões de usuários. Os anúncios divertidos vivem de situações dúbias e também já passaram para a televisão, confirmando a aposta da empresa no mercado brasileiro.

Um casal na praia começa a conversar com o homem a dizer que mudou e que agora gosta mais… diz, colocando os dedos da mão em riste. A mulher imita o gesto preocupada e ele responde-lhe. Gosto mais de montanha… São este tipo de anúncios divertidos que estão a cativar os internautas brasileiros e a chamar a atenção para o êxito do site de classificados. A solução – preconiza o anúncio – é simples: Desapega. Se está farto de praia alugue sua casa e mude-se para a montanha.

Por trás da simplicidade da mensagem está um verdadeiro caso de sucesso. O site de classificados gratuitos OLX nasceu em 2006 na Argentina e em pouco mais de seis anos expandiu a sua atividade para 96 países em 40 línguas. A ideia é uma vez mais simples. O site põe em contato compradores e vendedores de uma forma totalmente gratuita, possibilitando assim uma forma segura de publicitar a compra e venda de imóveis, produtos ou serviços.

Todas as transações acordadas através do site são posteriormente feitas por comprador e vendedor, sem qualquer interferência da OLX que também não cobra qualquer valor pelo seu serviço. Só no site brasileiro existem mais de 3 milhões de anúncios recentes e só no dia de ontem 56.127 compradores encontraram vendedores.

Não é pois de estranhar o êxito que os anúncios da campanha Desapega sejam um tão grande sucesso entre os internautas brasileiros, com o canal da OLX Brasil a registar mais de um mihão de visualizações em vários dos comerciais. Ao todo são 16 os anúncios colocados pela companhia no seu canal do YouTube, a que se juntam ainda alguns dos Making Off. É assim que pudemos ver que a simplicidade dá trabalho.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *