facebook-RSS Internet, Redes sociais

Facebook poderá lançar um leitor de feeds RSS aproveitando o fim do Google Reader


A maior rede social do mundo,  Facebook , pode estar prestes a apresentar um leitor de feeds RSS.

Segundo o site TechCrunch, o novo serviço será anunciado no dia 20 de junho, durante o evento para a imprensa, que se irá realizar no dia 20 de junho.

Logo após o anúncio da incorporação das #hashtags nas suas mensagens, a exemplo daquilo que já fazem o Twitter, Instagram e Google Plus, o Facebook enviou um convite enigmático para a imprensa norte-americana, em que diz que uma “grande ideia” será revelada.

A fazer fé nas informações do TechCrunch, parece que a “grande  a ideia” já não é segredo. O site baseia-se nas declarações do desenvolvedor Tom Waddington, que afirma, no seu blog, ter descoberto referências a um leitor RSS no código do Facebook.

Certamente o Facebook pretende aproveitar  fim do leitor de feeds RSS Google Reader  previsto para o dia 1 de julho, e ao mesmo tempo rentabilizar a incorporação das hashtags, tornando mais fácil a agregação e a pesquisa de notícias.

Vale lembrar que desde o  anúncio da extinção do Google Reader só o Feedly recebeu mais de 3 milhões de novos usuários.

RSS, o que é isto?

“RSS é um subconjunto de “dialetos” XML que servem para agregar conteúdo ou “Web syndication”, podendo ser acessado mediante programas ou sites agregadores. É usado principalmente em sites de notícias e blogs.

A tecnologia do RSS permite aos usuários da internet se inscreverem em sites que fornecem “feeds” RSS. Estes são tipicamente sites que mudam ou atualizam o seu conteúdo regularmente. Para isso, são utilizados Feeds RSS que recebem estas atualizações, desta maneira o utilizador pode permanecer informado de diversas atualizações em diversos sites sem precisar visitá-los um a um.

Os feeds RSS oferecem conteúdo Web ou resumos de conteúdo juntamente com os links para as versões completas deste conteúdo e outros metadados. Esta informação é entregue como um arquivo XMLchamado “RSS feed”, “webfeed”, “Atom” ou ainda canal RSS.”

Fonte do excerto: Wikipédia, a enciclopédia livre

Leia a informação completa em: http://pt.wikipedia.org/wiki/RSS

 

 


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *