Fundador do CyanogenMOD planeja novo recurso capaz de proteger os dados pessoais dos usuários

Fundador do CyanogenMOD planeja novo recurso capaz de proteger os dados pessoais dos usuários

As recentes denúncias de espionagem envolvendo grandes empresas de tecnologia são os principais combustíveis que alimentam os inúmeros e calorosos debates sobre segurança da informação e privacidade no mundo virtual. Estimulado por toda essa onda de desconfiança, o fundador da CyanogenMOD, uma das mais populares ROMs customizadas para Android, decidiu desenvolver uma nova ferramenta capaz de proteger os dados pessoais de seus usuários.

Através de um anúncio em seu perfil oficial do Google+, Steve Kondik informou que o novo recurso de privacidade permitirá que os aplicativos tenham acesso restrito as informações tradicionalmente confidenciais. Dessa maneira, determinados dados presentes em um smartphone ou tablet não poderão ser coletados por uma aplicação a não ser que o usuário assim o permita.

Quando ativado, o recurso bloqueia o acesso a determinados dados, como por exemplo lista de contatos, chamadas e mensagens
Quando ativado, o recurso bloqueia o acesso a determinados dados, como por exemplo lista de contatos, chamadas e mensagens (Foto: Reprodução)




Inicialmente batizado de “Executar em modo Incógnito”, a função possibilitará que o usuário configure individualmente as informações que cada aplicativo poderá coletar. Caso alguma aplicação tente acessar dados não liberados como contatos, calendário, histórico de navegação e mensagens, estes aparecerão como vazios. Além disso, o GPS aparecerá como desativado, mesmo que esteja ativado e em uso, para que dessa maneira as informações sobre localização também sejam protegidas.

O modo Incógnito terá uma função especial que informará aos desenvolvedores de aplicativos quando que o recurso está ativado, permitindo assim que eles possam, dentre outras opções, informar aos seus usuários o por quê de sua aplicação não estar funcionando corretamente. Kondik deixou claro ainda que o novo recurso não bloqueará anúncios ou falsificará qualquer informação do dispositivo (como IMEI, por exemplo).

Artigo anteriorPróximo artigo
Aline Ferreira
Professora de Matemática apaixonada pelo universo tecnológico e todas as suas genialidades.

1 Comentário

  1. “o GPS aparecerá como desativado, mesmo que esteja ativado e em uso, para que dessa maneira as informações sobre localização também sejam protegidas” é pra aplaudir de pé!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *