Samsung Activ Q

Microsoft está a perder terreno para o Android e para o iOS


A Samsung anunciou, no final da semana passada , um novo portátil híbrido, o Activ Q. A novidade do novo produto, da gigante sul coreana, é correr simultaneamente o Android e Windows 8.

Segundo o director Europeu da IDC(Estudos, planeamento estratégico e desenvolvimento e marketing em tecnologias de informação ), Francisco Jerónimo, a resposta para este portátil híbrido ter o Windows instalado é o Office, que não existe no Android , mas ele vai mais longe e questiona no fundo o que é que a Microsoft quer fazer da sua suite de produtividade, é que ainda ninguém percebeu o que é que a Microsoft quer fazer do Office.

Neste momento o Office é o produto que a Microsoft possui que lhe poderia dar maiores vantagens, mas será que a Microsoft se contenta com o pagamento da licença de uso do Windows 8, e vai portar o Office também para o Android? Isso seria a constatação que a sua estratégia iniciada com  lançamento do Windows 8 e a respetiva entrada no mercado mobile tinha falhado.

A Samsung proporciona com este equipamento uma experiência única, quando estamos a correr o Windows 8 podemos ter acesso as aplicações do Android, é claro que isto é a constatação de que o Windows 8 ainda tem falta de aplicações, pelo menos em número suficiente, para a sua plataforma.

Esta decisão da Samsung não irá ser única, todos sabemos que o Windows 8 está a vender mal, a Microsoft tem sido bombardeada pelos fabricantes de hardware para que faça alguma coisa ao seu sistema operativo, nem a atualização que está anunciada para o Windows, a 8.1 Blue, acalma os fabricantes que vêm os seus produtos a não saírem das prateleiras dos seus armazéns.

A Microsoft está a passar um momento muito conturbado da sua História como empresa, e isso já nem é disfarçado pelas constantes presenças de Bill Gates. Por outro lado, recentes declarações de opinião parecem demonstrar que algumas dúvidas sobre a capacidade de Steve Ballmer para conduzir uma empresa com a dimensão da Microsoft.

Para terminar deixo a seguinte pergunta:

Será que a Microsoft está a deixar encurralar-se pelo Android e pelo iOS?

 


1 comentário em Microsoft está a perder terreno para o Android e para o iOS

  1. Paulo Medronho

    Nao concordo com a visao de que o android nao posui office, pessoalmente tenho 2 suites instalados no meu tablete 1 outro no me smartphone. sao bastante bons e ja vao tendo muitas funcoes importantes (e tb das menos), ach que apenas falta ao utilizador procurar melhor solucoes que o possam ajudar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *