Apple, Mobile

A7 da Apple é desenvolvido pela Samsung enquanto o M7 pela NXP



Especialistas em desmontagem da Chipworks descobriram que o chipset A7 da Apple que equipa o novo iPhone 5S continua a ser fabricado pela Samsung. Houve alguns rumores antes do lançamento do iPhone 5s que davam como provável que a Apple ia entregar o fabrico do seu chip à TSMC . Apesar de esta opção não estar excluída para o futuro, este chip em particular ainda é fabricado por aquele que é o maior parceiro e ao mesmo tempo maior rival da Apple.

A Chipworks referiu o seguinte relativamente à sua descoberta:

Confirmámos através de uma análise inicial de que o dispositivo é fabricado numa fundição da Samsung. Dito isto, trata-se de um processador Samsungs 28 nm Hi K Metal Gate ( HKMG ). Temos observado este mesmo processo de fabrico no processador Samsung Exynos usado no Samsung Galaxy S IV.

A desmontagem da Chipworks também conseguiu descobrir que o co-processador M7 – responsável pela medição do movimento – do iPhone 5S é um chip fabricado pela NXP. Um pormenor curioso é o de ao contrário do A7, o M7 não ter recebido o “rebranding”, ou seja não viu a designação do logotipo e da designação da Apple estampada no próprio. De forma mais detalhada os especialistas da Chipworks afirmam que:

Felizmente, fomos capazes de localizar o M7 na forma de um NXP LPC18A1 . A LPC1800 é uma série alto desempenho baseados em microcomputadores Cortex – M3 . Isto representa uma grande vitória para a NXP . Nós tínhamos antecipado o facto do M7 ser um dispositivo fabricado pela NXP, com base na informação recolhida de analistas de mercado e dos nossos parceiros, e estamos satisfeitos em ver que se verificou.
(…)
O M7 é dedicada ao processamento e tradução das entradas a ele fornecidas pelos seguintes sensores discretos: o giroscópio, acelerômetro e bússola electro-magnética montado ao longo do principal placa do circuito impresso .

img_apple_a7_samsung_m7_nxp_02

Parece que não foi desta que a Apple se livrou da Samsung. Embora a empresa sul-coreana não seja a única empresa a possuir tecnologia para desenvolver os chipsets da linha “A” da Apple, é provavelmente a única que consegue lidar com o volume de encomendas da Apple. Por mais que não queiram, estes gigantes estão condenados a coexistir e a trabalhar entre si.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *