trivago-Hotel-Price-Index-03-2014-Portugal Notícias

Custo das dormidas em Portugal sobe 7% e iguala valores de 2013



Depois de ter atingido o mínimo dos últimos três anos em Fevereiro, o custo das dormidas em Portugal registou este mês um acentuado crescimento (+7%). O preço, por uma noite em quarto duplo num hotel português, está agora nos 77€, em média.

São valores que igualam os do período homólogo e abrem boas perspectivas para a época alta da hotelaria nacional. O início da subida sazonal de preços estendeu-se praticamente a toda a Europa, segundo trivago Hotel Price Index deste mês.

O arranque de 2014 foi especialmente penalizador para os hotéis europeus e, ainda que a maioria do continente tenha visto os seus preços subir este mês, muitos países registam quedas face ao período homólogo, nomeadamente Espanha (-3%), Itália (-4%) e França (-7%). No sul europeu só a Grécia (+3%) viu o custo das suas dormidas subir em relação a Março de 2013, situando-se a leste um dos maiores aumentos do continente, mais precisamente na Roménia (+5%).

A nível local, Setúbal (+25%), Lisboa (+13%) e Funchal (+11%) são os principais motores do crescimento nacional. Portimão (+9%) também regista uma subida importante face ao último mês, numa tendência que se estende a praticamente a todo o país e da qual Aveiro (-2%) e Braga (-2%) são as principais excepções. Cascais regista um crescimento mais modesto (+7%) que o Funchal ou Lisboa, mas mantém-se, ainda assim, como a localidade mais cara para pernoitar em Portugal (117€, em média, por noite em quarto duplo), entre os mais importantes destinos nacionais.

Numa perspectiva regional, as variações não foram muito diferentes, sendo Lisboa e Vale do Tejo (+12%) e Madeira (11%) as responsáveis pelas maiores subidas em relação a Fevereiro. Seguem-se Algarve (+5%), Açores (+5%), Alentejo (+4%) e o centro e norte de Portugal (ambas as regiões com um crescimento de 2%).

No que diz respeito às principais cidades europeias, os destinos mais caros face ao mês passado são Roma (+28%), Istambul (+27%) e Genebra (+25%). Já as grandes reduções ocorrem em terras espanholas, mais concretamente em Saragoça (-7%) e Barcelona (-6%).

Mapa-tHPI-Europa

Fonte: www.trivago.pt


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *