Gadgets

Google Glass “teardown” estima custo do hardware a baixo de 80 dólares


O projecto Google Glass Explorers vem criando desde o seu início uma grande variedade de opiniões entre as comunidades de tecnologia, sendo que um dos mais controversos aspectos é o preço de aquisição de uma unidade Google Glass para entrar no projecto, custando 1500 dólares.

A grande maioria dos seguidores deste projecto espera que a Google baixe consideravelmente o preço assim que uma versão final do produto seja disponibilizada ao público em geral. O valor que a Google irá poder cortar no preço dos Glass é que não é de todo conhecido, no entanto, um novo “teardown” realizado pela já famosa equipa do site Teardown.com ao gadget da Google estimou que o custo de todos os componentes de hardware presentes no Google Glass estará a baixo dos 80 dólares.

A equipa do Teardown.com ainda se encontra a realizar este processo mas, a sua estimativa de custo tem  levantado muitas criticas nas comunidades de tecnologia levando mesmo a uma resposta oficial da Google que classificou esta estimativa como “totalmente errada”. Uma das componentes que o preço atribuído levanta bastantes suspeitas é o seu ecrã, que apesar de ser extremamente pequeno, reproduz uma imagem de alta resolução e a equipa que realizou o teste atribuiu um custo de apenas 3 dólares por unidade.

Google Glass ganha vídeo explicativo e aplicativo que tira fotos com o piscar dos olhos

Outro grande problema com esta estimativa é o facto de apenas considerar o custo dos componentes de hardware, deixando de parte qualquer custo vindo da pesquisa, desenvolvimento e também de produção. Quando se fala de um gadget deste tipo estes são certamente factores que aumentam consideravelmente o seu preço de venda, sendo necessário atingir um grande número de vendas para que a sua influência no preço seja reduzida de forma substancial.

Com a descoberta de vários problemas com as actualizações de software dos dispositivos, a Google colocou várias pessoas encarregues exclusivamente para oferecer apoio técnico ao programa Explorers, o que vem certamente aumentar os custos de manutenção do programa.

 


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *