Tecnologia

Conheça Pepper, o primeiro robô capaz de ler emoções humanas!


A Softbank, empresa japonesa de renome no setor dos dispositivos móveis, apresentou nesta quinta-feira (5) uma novidade em robótica que promete revolucionar o mercado: Pepper, o primeiro robô pessoal capaz de ler emoções, ao analisar gestos, expressões e tons de voz. A sua chegada ao público está prevista para fevereiro do próximo ano, no Japão, por cerca de 198 mil ienes (o equivalente a cerca de 1400 euros/4300 reais).

Com de 1,2 metros de altura e 28 quilos de peso, Pepper é resultado de uma parceria entre a SoftBank e a Aldebaran, empresa francesa considerada líder mundial em robôs humanóides, e estará em duas lojas da empresa de telemóveis, onde o público poderá ter o primeiro contacto com protótipos.

Pepper e o Presidente Executivo da Softbank (Foto: Issei Kato | Reuters)

Pepper e o presidente-executivo da Softbank (Fotos: Issei Kato | Reuters)

Equipado com a mais recente tecnologia de reconhecimento de voz, de leitura de gestos e de emoções através da análise de expressão e tons de voz, Pepper realiza as leituras através de sensores e funções de reconhecimento de emoções. O robô pode ainda compilar vários tipos de informação e sincronizar-se com bases de dados em cloud (nuvem) através de uma ligação à internet. Com uma autonomia de 12 horas, de acordo com os seus criadores, as pessoas poderão comunicar-se com o robô “como fazem com os amigos e família”.

Segundo Masayoshi Son, presidente-executivo da SoftBank, Pepper é resultado da visão da empresa no desenvolvimentos de robôs capazes de reproduzir comportamentos humanos. “Pela primeira vez na história humana, estamos a dar um coração e emoções a um robô”, disse Masayoshi Son durante a apresentação do novo equipamento. Já Bruno Maisonnier, presidente-executivo da Aldebaran, considera que o “robô emocional criará uma nova dimensão nas nossas vidas e novas formas de interagir com a tecnologia”.

Veja o vídeo de apresentação do humanóide Pepper e responda rápido: gostaria de ter um destes em casa?

Via Público

 


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *