Windows ecrã azul Segurança

Windows: Cuidado com o ecrã azul pode ter malware


Ao contrário de outras técnicas de cibercrime, a engenharia social explora principalmente o factor humano, expondo os utilizadores a elementos com os quais já estão familiarizados. Este é o caso do ecrã azul conhecido como “ecrã azul da morte”, tão comum no sistema operativo Windows que é uma maneira perfeita para fazer o download de ‘malwares’ para os computadores.

Agora, uma empresa de segurança alertou sobre um novo caso de falso ecrã azul que aproveita o temor que o utilizador tem para o levar a instalar um ‘software’ malicioso.

Como se não bastasse já sofrer de uma falha grave no sistema operativo Windows e tentar restaurar o computador, os utilizadores agora enfrentam o problema adicional de identificação, em pânico completo, se se trata de um ecrã fiável ou de mais uma imitação com intenções duvidosas.

Desta vez, trata-se de um ecrã falso bastante reconhecível que irá descarregar um instalador de “malware” com um único clique no lugar errado.

Esta imitação de ecrã do Windows fornece duas opções para resolver a falha do sistema e, obviamente, nenhuma delas tem a intenção de resolver qualquer problema, mas sim o contrário. O primeiro é que o utilizador ligue para um número de telefone e a segunda que descarregar o download de um ‘software’ – embora não se trate de um atendimento ao cliente com um número com valor acrescentado – nem um programa de um software benigno, mas um executável que instala o ‘malware’ no nosso computador.

Para evitar este tipo de ataques, como sempre, o melhor é ter um antivírus actualizado, além de não ser muito fiável aceitar todas as solicitações que o sistema nos faz sem ler, com muita atenção, o que nos pedem.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *