Google comemora o 41º aniversário de Lucy com Doodle animado Internet

Google comemora o 41º aniversário de Lucy com Doodle animado


A Google criou um doodle animado para comemorar o quadragésimo primeiro aniversário da descoberta de Lucy.
Em 24 de novembro de 1947, o professor Donald Johanson (americano antropólogo e curador do museu de Cleveland de História Natural) e o estudante Tom Gray descobriram um extraordinário fóssil de hominídeo perto da aldeia Hadar, na região de Afar, na Etiópia. A descoberta revelou-se de suma importância uma vez que apresentava um esqueleto quase completo, inclusive com parte do crânio.

O nome Lucy advém da canção “Lucy in the Sky with Diamonds” (dos Beatles), que a equipe escutava enquanto comemorava a descoberta, e por a terem definido como uma fêmea. O nome científico do fóssil depois passou a ser “Australopitecus Afarensis”, que quer dizer mais ou menos, “pequeno macaco sulista de Afar”.

A idade de Lucy foi determinada em de cerca de 3,2 milhões de anos, através da datação da camada basáltica onde o fóssil foi encontrado usando-se o método Potássio-Argônio, e foi considerado o esqueleto hominídeo mais antigo de sempre. No entanto, Lucy deixou de ser o fóssil hominídeo mais antigo após a descoberta de um novo fóssil da espécie “Ardipithecus ramidus”, que viveu há 4,4 milhões de anos.

41.º aniversário da descoberta de Lucy

Créditos da imagem: Google

Para quem não sabe, “os Doodles são versões divertidas, surpreendentes e, por vezes, espontâneas do logótipo da Google criadas para comemorar feriados, aniversários e as vidas de artistas, pioneiros e cientistas famosos” (excerto Google)

Fontes:

Google

Wikipédia

Seara da Ciência

 


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *