Dia Internacional da Mulher: Psicóloga traça o perfil da “mulher de verdade”

Psicóloga e consultora do ParPerfeito traça o perfil da mulher de verdade

 Psicóloga e consultora do ParPerfeito traça o perfil da mulher de verdade

Para celebrar o Dia Internacional da Mulher, que se comemora hoje, a consultora de relacionamento do ParPerfeito, Rosana Braga, faz uma análise sobre o conceito de “mulher de verdade”. Muito já se cantou e ainda se canta em homenagem a uma tal de Amélia, que dizem ser Mulher de Verdade! Opiniões e gostos à parte, e você? Se sente e se considera uma mulher de verdade?

“Uma coisa é certa: mulher de verdade não tem a ver necessariamente com ser mandona ou submissa, ser brava ou boazinha, ser vaidosa ou achar bonito passar fome. Esses conceitos mostram apenas os extremos dos comportamentos, como o famoso 8 ou 80. Mulher de verdade não se encaixa nos radicalismos. Aliás, ela não se encaixa, porque sua forma é única. É sua. E exatamente por isso é de verdade”, resume Rosana.

Para a consultora, as cinco principais características da “mulher de verdade” são:

1- Olha para o que acontece fora, mas… Sim, mulher de verdade observa. Vive acordada e atenta. Presente para o que acontece ao seu redor. Ela sabe que a vida manda sinais. Que a vida ensina. Mas mulher de verdade aprende, acima de tudo, a lapidar sua intuição. A ouvir a voz do seu coração. Do seu mestre interior. Mulher de verdade sabe que só é possível se encontrar e encontrar suas próprias respostas do lado de dentro! Em sintonia com quem ela realmente é. Seus valores e seus sentimentos. E ela assume o que é!

2- Em vez de se perguntar “o que eu devo fazer?”, ela se pergunta… Ok, ser responsável e cumprir suas promessas e deveres faz com que uma pessoa seja de verdade. Porém, quando ela vive em função de regras impostas pela família, pela sociedade ou pelos seus parceiros, então significa que ela ainda não sabe quem é e, portanto, não escreveu suas próprias regras. Sobretudo, ela ainda não descobriu que qualquer regra precisa ser flexível para que a vida possa seguir seu próprio ritmo. Mulher de verdade se pergunta, antes de mais nada, “o que eu quero?”. E é quando ela aprende a responder essa pergunta que se enche de poder para fazer as escolhas que vão conduzi-la aonde ela quer chegar.

3- Deseja agradar quem ela ama, desde que… Cuidar, acolher e conquistar a quem se ama são habilidades que uma mulher de verdade sabe serem fundamentais. Afinal, não existem garantias no amor e é preciso suavidade e gentileza para lidar com as coisas do coração. Porém, ela não tem dúvida alguma de que tudo isso só faz sentido se ela não estiver se desrespeitando. Um “sim” para quem ela ama precisa ser um “sim” para ela também. Se não for, ela vai refletir se vale a pena ceder, negociar ou abrir mão do seu “sim” sem que isso signifique mendigar o amor do outro!

4- Antes de culpar o outro por sua tristeza, ela… Olha para si mesma. Revê suas atitudes e escolhas. Reconhece que ninguém faz com ela o que ela não permite. Cresce e assume sua parte na situação. Mulher de verdade é sujeito de sua própria história e não objeto. É ativa e não passiva. E se espera, é porque escolheu, com consciência, esperar. Mas a espera tem data para terminar. Porque mulher de verdade não culpa o outro por sua tristeza. Ela aprende com o que o outro fez e com o que ela fez também. E cada dia é uma oportunidade de estar ainda mais perto da mulher que ela deseja ser.

5- Quando algo não acontece como ela gostaria, ela sabe… Sim, uma mulher de verdade sabe que não vai acertar sempre e nem ganhar sempre. Ela sabe que muitas vezes a vida não acontece como ela planejou ou deseja. Mas isso não é motivo para que ela se faça refém de sua tristeza. Mulher de verdade aprende a lidar com sua dor. Chora, sofre, mas sabe que isso tudo precisa ter fim. Ela levanta, lava o rosto, ergue a cabeça e vai para a vida carregando a certeza de que tudo é como tem de ser. E que certamente o melhor dela e da vida está por vir! Mulher de verdade é uma mulher de fé! Fé no amor, na vida e em si mesma!

Em complemento à análise da Rosana, seguem a seguir dados interessantes sobre o perfil da mulher que o ParPerfeito (www.parperfeito.com.br) descobriu em pesquisas recentes:

– Em uma enquete (inquérito) sobre traição, a maioria das mulheres, 72%, admitiu já ter sido traída, enquanto 40% dos homens responderam que não sabem se foram traídos por suas companheiras.

– Em outra enquete, a grande descoberta é o significado da frase “eu te amo” para homens e mulheres. Para a maior parte dos homens (34%) a fala é muito importante e equivale a “quero passar o resto da minha vida com você”, já para as mulheres esse percentual é de 28%.

– E o que elas querem? Uma pesquisa feita pelo site mostrou que as mulheres querem um parceiro com senso de independência.

– Quando o assunto é viagem, as mulheres são mais bem resolvidas quanto a viajarem sozinhas. Elas só precisam ter dinheiro para decidirem o destino, enquanto os homens só viajam se tiverem companhia.

– Também chamou atenção uma enquete que revelou que as mulheres mentem mais do que os homens durante a paquera. Sim, a maioria das mulheres (64%) respondeu que mente nesta situação contra 51% dos homens, que afirmaram já mentir para a sua pretendente.

“Dados como esses mostram o quanto as mulheres vêm conquistando espaço e se colocando nas relações. Acima de tudo, mostram o quanto essa mulher que vai para o mundo em busca de sua felicidade não tem medo de admitir o que pensa e sabe que não é mais e nem menos que um homem. É apenas soberana e absolutamente singular em sua condição de mulher”, finaliza Rosana.

Artigo anteriorPróximo artigo
Convidado
Área destinada a artigos escritos por autores convidados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *