estranhos salvam festa de anos Redes sociais

Desabafo no Facebook salva aniversário de criança de 4 anos


Teanon Briannon fazia 4 anos e tinha convidado 12 crianças para a sua festa, mas à última da hora todos desmarcaram a sua presença. Em lágrimas, a mãe fez um comovente desabafo no Facebook a que a comunidade reagiu, tornando inesquecível uma festa que esteve à beira do desastre. Foi em Melbourn, na Austrália.

Rachelle, a mãe de Teanon, faz parte de um grupo do Facebook chamado Midnight Mums e usou-o para expressar a sua revolta. Não foi um apelo, foi antes um desabafo, mas que tocou no coração de quem o leu. Uma horas depois, Teanon tinha a melhor festa de anos possível, fez novas amizades e as crianças até puderam ver um carro de bombeiros, uma vez que o serviço local de proteção civil resolveu aparecer. E até houve balões oferecidos. Esta é uma história com um final feliz.

O desabafo da mãe

grupo de mães salva festa de anos

“Então, estou sentada no meu quarto a chorar em silêncio. 12 crianças foram convidadas para a festa do meu filho, e uma hora antes cada um deles cancela ou simplesmente não responde às minhas msgs [sic] “, escreveu Rachelle Briannan no Facebook.

‘O meu filho acabou de completar 4 anos e esta é a primeira vez que ele realmente entende o significado da festa com os amigos. O meu coração está literalmente despedaçado por ele !! Estou tão magoada e com raiva.

‘Que raio posso eu posso fazer por ele? A sério. Fiz um enorme bolo de super-herói enorme e não vai haver ninguém, nem sequer para lhe cantar os parabéns. ”

Faltava apenas uma hora, mas esse foi o tempo suficiente para que 25 mães e pais de vários pontos de Melbourne levassem os seus filhos até um McDonalds para a festa de Teanon, que teve a melhor festa de anos de sempre, com 30 novos amigos.

Alguns dos pais que levaram as crianças viajaram mais de meia-hora para que Teanon tivesse uma bonita festa de anos, a que não faltou sequer um carro de bombeiros. “Não é normal fazermos isto, mas quando soubemos do que se passava, achámos que era engraçado deixar os miúdos explorarem o carro de bombeiros”, afirmou um elemento dos serviços de emergência ao Mashable Austrália.

No final do dia, Rachelle utilizou novamente o Facebook para agradecer esta onda de solidariedade:

“Estamos tão esmagados com amor e apoio que é incrível. As pessoas tiraram tempo e dinheiro das suas próprias vidas e investiram-no em mim e no meu filho – Taenon”, escreveu ela. “Fiquei também muito feliz por ver as pessoas fazendo amizades na festa, e não apenas as crianças, mas os pais. Acabámos todos por nos darmos tão bem”.