planeta vermelho Ciência

Marte está a sair de uma era glaciar


Marte está a sair de uma época glaciar, anunciaram ontem cientistas norte-americanos que chegaram a essa conclusão depois de analisar imagens de radar que se focaram nas calotes polares do planeta vermelho.

O gelo em Marte começou a recuar há cerca de 370.000 anos atrás, marcando o fim da última idade do gelo. Utilizando imagens captadas por satélites na órbita marciana, os cientistas determinaram que 87.000 km cúbicos de gelo se acumularam nos seus pólos, e principalmente no pólo norte, desde o fim dessa era.

Este é o primeiro estudo a ligar uma camada de gelo específica a um determinado período de tempo e é o primeiro passo para um estudo mais aprofundado da história do clima do planeta vermelho, onde são cada vez maiores as evidências de que já teve oceanos e lagos à superfície, aumentando assim a hipótese de vida.

Até aos estudo que determinou os resultados agora anunciados, os modelos da climatologia de Marte eram feitos com base na observação e “por isso começavam com suposições”, afirmou Isaac Smith, do Southwest Research Institute em Boulder, Colorado, que conduziu o estudo.

Ao contrário da Terra, as eras glaciais em Marte acontecem quando a temperatura média dos pólos aumenta e a água gelada fica mais estável a latitudes mais baixas. De acordo com a NASA, as temperaturas mais altas em Marte apenas atingem 20 graus Celsius de verão, ao meio-dia e no equador, e as mais baixas chegam aos menos-153 graus Celsius nos pólos .

São temperaturas desta grandeza que esperam os astronautas que quer a NASA quer a Lockheed Martin planeiam levar até Marte nos próximos anos.

Via Reuters