Samsung apresenta pedido de patente “zona de conforto”

patente zona de conforto Samsung




A Samsung apresentou o pedido para uma nova patente onde o objectivo principal é permitir aos utilizadores criar a sua própria “zona de conforto” conforme o alcance do seu polegar. Sendo a Samsung a dominante do mercado dos “phablets”, este parece um passo a pensar num futuro próximo em que os phablets cada vez mais se revelam mais próximos dos tablets do que dos smartphones.

A questão neste tipo de patente é – o que quer isto dizer?

Nos dias de hoje, é bastante comum que a maioria dos utilizadores já tenha pelo menos experimentado um smartphone ou phablet em que as dimensões estão entre as 5 e 6 polegadas, e na grande maioria das experiências acontece que algumas das acções tornam-se um pouco “dolorosas” quando apenas se utiliza uma mão.

Com esta nova funcionalidade (ainda por confirmar) poderá ser melhorada de forma substancial a qualidade da experiência vivida pelos utilizadores ao manusearem dispositivos de maiores dimensões utilizando apenas uma mão.

patente zona de conforto samsung

Ainda numa fase de especulação, é possível que esta nova investida da Samsung venha a ser aplicada numa nova versão da sua interface TouchWiz, ou um novo software aplicado exclusivamente a dispositivos Samsung.

Esta seria sem dúvida uma ideia que bem aplicada se iria revelar bastante útil para a grande maioria dos utilizadores. Sendo a navegação num smartphone feita na sua maioria com os polegares, as crescentes dimensões dos dispositivos têm tornado essa tarefa mais difícil de realizar utilizando apenas uma mão.

Artigo anteriorPróximo artigo
frequentou a licenciatura de Desporto em Setúbal e actualmente reside em Londres. Apaixonado por novas tecnologias e fã do "pequeno" Android desde 2009. Fundador e autor do blog Androidblog.pt, criado em 2012.

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.