Jogos, Notícias

Half-Life e Counter-Strike 1.6 chegam a Linux e OSX


Desde que noticiámos que a Valve disponibilizou o Steam para Linux, um conjunto de títulos têm sido convertidos para o sistema operativo do pinguin. Mas existia um jogo que todos esperavam e apelavam desde o início à Valve que trouxesse para Linux. Referimos-nos ao clássico Counter-Strike. Para deleite dos fãs do reconhecido jogo de acção bem como o jogo que lhe deu origem estão agora disponíveis agora para os sistemas baseados em Unix (Linux e OSX).

A Valve anunciou esta sexta feira um bom presente para todos os entusiastas dos seus títulos. A empresa referiu que disponibilizou uma versão nativa do seu título Half-Life para Linux e Mac OSX. Como todos sabem o Half-life foi apenas o início da maior saga de jogos de acção que actualmente conhecemos como Counter-Strike.

Por isso não foi com grande surpresa que no mesmo dia Valve também anunciou que iria disponibilizar uma versão do original Counter-Strike 1.6 para Linux e Mac OSX.

Para todos os proprietários de uma cópia original do Half-Life e/ou Counter Strike 1.6, é hora de limpar o pó da sua cópia e voltar a reviver as emoções deste clássico em Linux. Mas, se você não comprou o jogo há uma década, a Valve ainda vende o Half-Life e o Counter-Strike 1.6 no Steam por um preço a partir de 7,99 euros (21.84 reais).

A título de curiosidade as versões destes jogos para Linux foram conseguida através da conversão do motor gráfico “GoldSrc” (um motor de Quake fortemente modificado). Trata-se da mesma infraestrutura utilizado no títulos originais, e que desde então foi descontinuada já que a Valve a partir do Half-Life 2 começou a usar o motor “Source”.

Tenha em atenção que esta nova versão é considerada beta, por essa razão poderá encontrar alguns pequenos pormenores no jogo que ainda não estão devidamente “polidos”. Mas apesar deste aspecto as primeiras impressões dos vários jogadores que testaram esta conversão são bastante positivas. Em principio não terá problemas se a sua cópia for legítima, de poder se ligar a um servidor Multiplayer.

Ainda não consegue acreditar da boa notícia que lhe estamos a dar? Então veja o vídeo de seguida do jogo em acção.

É uma pena que não tenha sido desta que o Counter-Strike GO (a nova versão desta série de jogos) foi disponibilizada. Contudo pensamos que será uma questão de tempo. De facto, se o tempo for o que os programadores necessitam então a disponibilização do Counter-Strike 1.6 é uma boa escolha para entreter todos os utilizadores de Linux. Caso deseje experimentar qualquer um destes dois jogos, tem que ter o steam para Linux/OSX instalado e procurar pelos mesmos na sua biblioteca. Na eventualidade de não ter uma cópia do Half-life, dirija-se à loja Steam. Caso apenas esteja interessado ou queira adquirir também o Counter-Strike pode dirigir-se a este link.


3 comentários em Half-Life e Counter-Strike 1.6 chegam a Linux e OSX

  1. Dário Santos

    “Como todos sabem o Half-life foi apenas o início da maior saga de jogos de acção que actualmente conhecemos como Counter-Strike.”

    O que??? E que tal um pouco de pesquisa, já que não sabes do que estas a falar.
    Half-Life é um jogo FPS que teve continuação.
    Counter-Strike é outro jogo baseado no mesmo motor do Half-Life mas numa vertente online.
    Dois jogos distintos.

    • Rui Oliveira

      Olá Dário.

      Sim, mas repare o Counter Strike nasceu como uma mod do Half-life. No inicio precisava deste jogo para executar (o counter-strike era uma extensão ao half-life). Só nas últimas versões o counter-strike passou a ser independente. Por isso referimos que o Half-line na sua génese foi o início.

      Veja o seguinte excerto:

      “Counter-Strike is a tactical first-person shooter video game developed by Valve Corporation which originated from a Half-Life modification by Minh “Gooseman” Le and Jess “Cliffe” Cliffe”

      https://en.wikipedia.org/wiki/Counter-Strike

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *