Mobile, Notícias, Tecnologia

SDK 2.0 do Tizen disponível para download juntamente com algumas imagens do sistema


O SDK e o código-fonte do Tizen 2.0 Magnolia foram disponibilizados para download. Basta observar as novidades presentes na nova versão do SDK para perceber o longo caminho que o Tizen percorreu desde a versão 1.0. O sistema móvel está apenas a um passo de o vermos à venda no mercado. Aliás, a Samsung já confirmou que se está a preparar para lançar alguns smartphones com o sistema este ano. Mas até lá, conheça entre outras novidades, a nova interface da versão 2.0 do Tizen.

O novo SDK do Tizen 2.0 Magnolia apresenta uma série de recursos que indiciam um aumento da maturidade do sistema operativo open-source. Mas comecemos pelas novidades mais técnicas do próprio SDK. Foi introduzida uma nova framework web que fornece uma API “state-of-the-art” aos standards HTML5/W3C. Foi ainda criada uma nova framework para acesso à interface Web que inclui suporte full-screen e multi-janela. Também foram adicionadas APIs para conectividade Bluetooth e NFC, bem como recursos de programação para o acesso aos aplicativos essenciais, como calendário, galeria, gestor de contactos, telefone, configurações, e leitor de vídeo.

Foi ainda melhorada a estrutura de suporte para o desenvolvimento de aplicações nativas. Existem ainda outras melhorias ao nível do ambiente de desenvolvimento Web. Por exemplo é possível utilizar uma filosofia de desenvolvimento WYSIWYG. Finalmente foi introduzida uma interface com o programador que fornece um assistente para a criação de projectos. Estas e outras novidades estão incluídos nas notas de lançamento do SDK que poderá encontrar aqui.

Mas as novidades que mais saltam à vista é no campo das melhorias na interface com o utilizador do Tizen. O sistema operativo móvel open-source parece ir buscar alguns elementos de inspiração, ao Android, iOS e mesmo o TouchWiz da Samsung. Esta última inspiração não é de admirar já que a empresa sul-coreana é a principal impulsionadora do desenvolvimento do jovem sistema operativo móvel.

img_tizen_sdk2_02

Mas existe ainda algum trabalho por fazer até vermos os primeiros dispositivos no mercado. Por essa razão o Tizen não se irá ficar este ano pela versão 2.0. Aliás a versão 2.1 está prevista para ser lançada no 2º trimestre de 2013. O ligeiro incremento na versão parece deixar a impressão que se trata de uma pequena actualização.

Contudo, o planeamento para esta versão é bem ambicioso e a mesma poderá contar com novos recursos como a gestão centralizada de contas (Facebook, Twitter, etc…), introdução de serviços para a instalação de aplicações, suporte Livebox, optimização de performance e melhorias de segurança. Está previsto também serem introduzidas melhorias no desempenho da API.

img_tizen_sdk2_03

O Tizen 2,0 Magnolia está com muito bom aspecto, e há quem refira que pode ser o início de um novo capítulo para a Samsung. A gigante tecnológica conseguiu ganhar muita popularidade na indústria graças aos seus smartphones da linha Galaxy. Por essa razão será mais fácil utilizar a sua influência de mercado e poderosa máquina de marketing para tornar o Tizen num sucesso.

Apesar desse aspecto e embora seja reconhecido ao Tizen um enorme potencial, a Samsung também tem que se assegurar de que este possui algumas das aplicações mais populares como o Instagram ou Facebook. Uma selecção variada de aplicações através de uma “loja de aplicações” será também fulcral para o crescimento do Tizen.

Mas afinal porque é que a Samsung deseja que o Tizen seja bem sucedido? A motivo de interesse não é altruísta, caso pense que empresa participa num projecto open-source apenas para dar algo à comunidade. Aliás, analistas que acompanham o percurso do gigante sul-coreano, referem que o Tizen faz parte de um plano da Samsung para ser menos dependente do Google e ao mesmo tempo assegurar que o seu sucesso na indústria de móveis se mantém.

Independentemente da razão que levou a Samsung ter um papel activo no desenvolvimento Tizen, se a empresa utilizar a sua influência no mercado, estaremos perante um sério candidato a se afirmar a curto/médio prazo como o terceiro maior sistema operativo móvel. Poderá descarregar a versão 2.0 do SDK aqui, e descarregar o código fonte bem como imagens do sistema (binários) neste link.

Via Tizen


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *