Sustentabilidade

Aprenda a poupar gás para obter uma vida melhor e muito mais sustentável



Será que podemos viver como “reis” mantendo um perfil de baixo consumo? Eu diria que sim! Afinal são apenas hábitos que precisamos ajustar ou alterar com o objectivo de uma vida melhor e, claro, muito mais SUSTENTÁVEL.

Veja algumas forma de o fazer relativamente ao Gás:

– Não deixe a torneira a correr desnecessariamente, está a desperdiçar água e gás;

– Desligue o esquentador ou a caldeira se vai estar ausente durante longos períodos, por exemplo quando sai de casa de manhã e à noite quando se vai deitar;

– No verão diminua a temperatura da água no esquentador ou caldeira;

– Reduza o tempo que demora a tomar o duche e prefira-o a banhos de imersão;

– Reduza a temperatura nas máquinas de lavar loiça e roupa, quanto mais elevadas mais tempo e gás vai precisar para aquecer;

– Se tiver máquina de secar a gás opte por fazer várias secagens de seguida. Assim ao reduzir o número de vezes que aquece a máquina e faz a secagem, irá minimizar a perda de calor e reduzir o consumo de gás;

– Escolha secar a roupa ao ar livre em vez de usar a máquina de secar;

– É importante calafetar portas e janelas de forma a evitar o uso de sistemas de aquecimento ou refrigeração;

– Se puder optar pelo sistema de aquecimento central, prefira as caldeiras a gás natural ou ar condicionado central;

– Se mantém o AC ligado na sua ausência, programe-o então para reduzir a temperatura quando a casa está vazia.

NA COZINHAID-10011610

– Use a panela de pressão pois demora muito menos tempo a aquecer e cozinha os alimentos mais depressa;

– Coloque apenas a água necessária nos tachos, quanto mais os enche mais demora a aquecer e consequentemente mais gás gasta;

– Quando as panelas estiverem a ferver baixe o lume. Uma chama enorme não aumenta a temperatura nem acelera a confecção;

– Cozinhe sempre com as tampas nas panelas, evitando desta forma que o calor se evapore e por isso demore mais a cozinhar;

– Use o bico de fogão em tamanho adequado ao fundo do tacho que utiliza e nunca maior;

– Certifique-se que as chamas estão sempre azuis e uniformes, caso não estejam e mostrem cor amarela ou alaranjada, pode significar obstrução nas passagens de ar  ou mesmo do gás. o Gás pode não estar a passar mas está na mesma a ser queimado e nesse caso a ser desperdiçado;

– Desligue a boca do fogão alguns minutos antes, o calor acumulado é suficiente para terminar a confecção dos alimentos;

Estas dicas são algumas das coisas que podem começar a fazer já para reduzir as suas facturas do gás e aumentar um muito importante músculo: o da poupança (financeira e planetária)

Agora faça um exercício: olhe para os seus hábitos como se fosse um mero observador, corrija, dê menos gás à sua vida! Afinal, se reparar, estará apenas a usar o bom senso.

Imagens cortesia de freedigitalphotos


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *