internet Segurança

Facebook, Microsoft e Google unem-se em recompensas na caça aos bugs


As três gigantes – Facebook, Microsoft e Google – uniram-se no projecto Internet Bug Bounty, que atribuí recompensas a quem descobrir falhas críticas em diversas plataformas online, tal como OpenSSL, Apache e Perl.

Este projecto teve inicio na cabeça de Alex Rice, chefe de segurança de produtos do Facebook, enquanto socializava com outros dois amigos da Microsoft (Katie Moussouris) e da Google (Chris Evans).

Todo este projecto foi construído de forma a poder regenerar a internet como um todo, corrigindo pequenas ou grandes falhas que possam expor os seus utilizadores a acções ilícitas, tornando assim a experiência de utilização da internet no seu todo muito mais segura.

Enquanto o Facebook e a Microsoft são as duas empresas que financiam todo este projecto, juntamente com vários elementos da Google irão se unir para avaliar quais as falhas apontadas pelos utilizadores serão dignas de receber recompensas, ou não.

As recompensas oferecidas abrangem valores muito distintos, dependendo obviamente de qual a plataforma hackeada e da gravidade da falha que foi encontrada. Enquanto encontrar uma falha numa das plataformas isoladas poderá valer até 500 dólares, uma falha do sistema global de internet poderá remunerar o utilizador com um fantástico valor máximo de 5000 dólares.

A Microsoft já possuía um serviço semelhante de remuneração para utilizadores que reportassem falhas de sistema e de segurança, contudo, esta é a primeira vez que vemos 3 gigantes do mundo da internet a unirem esforços para melhorar a experiência global da utilização da internet.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *