computadores-corporativos Segurança

A Maior Parte dos Trabalhadores Utiliza Computadores Corporativos de Forma Arriscada, Aponta Pesquisa


Atualmente, o computador é uma ferramenta de trabalho indispensável em muitas empresas. No entanto, segunda uma pesquisa realizada pela Intermedia, a grande maioria dos profissionais (cerca de 93%) que utilizam essa ferramenta têm atitudes que podem colocar em risco a integridade de informações da companhia e, até mesmo, de seus clientes.

Equipe de T.I., quem diria?

A Maior Parte dos Trabalhadores Utiliza Computadores Corporativos de Forma ArriscadaA Intermedia entrevistou mais de 2 mil trabalhadores dos Estados Unidos e Reino Unido, para descobrir quais são os profissionais que mais arriscam a segurança das companhias para qual trabalham. A surpresa foi que os profissionais de T.I. assumiram ter os comportamentos mais arriscados, deixando para trás áreas como recursos humanos, vendas e marketing.

A pesquisa apontou que 28% dos profissionais de T.I. afirmaram ter acessado o sistema de uma empresa depois de ter deixado de trabalhar nela, 65% já dividiram logins corporativos com outras pessoas e 40% disseram não ver problemas em instalar aplicativos sem autorização da equipe de T.I. – no caso de profissionais de outras aéreas, as porcentagens são de 13%, 46% e 27%, respectivamente.

Geração Y

teclado digitação geração YFormada por jovens de 18 a 34 anos, a Geração Y, também conhecida como Millennials, foi considerada a mais suscetível a quebrar normas de segurança, em comparação com a Geração X (35 a 54 anos) e aos Baby Boomers (55 anos ou mais).

Quase 30% dos Millennials salvam documentos da empresa em arquivos pessoais, contra 10% dos Baby Boomers e 16% da Geração X; 41% deles instalam aplicativos sem autorização do T.I., enquanto esse número é de 13% entre os Baby Boomers e 24% entre a Geração X; 23% dos Millennials admitiram que utilizariam informações da empresa em beneficio próprio, a mesma afirmação foi obtida com 5% dos Baby Boomers e 12% da Geração X.

O que as companhias podem fazer para melhorar sua segurança?

Segundo os especialistas consultados pela Intermedia, o excesso de confiança de alguns funcionários pode ser o fator comum por trás dos comportamentos de risco apresentados. Os “maus hábitos” citados na pesquisa são sintomas, por isso é necessário ir até a raíz do problema. Para lidar com isso, as companhias devem estabelecer normas de seguranças claras e práticas, além de treinar os funcionários para entendê-las e segui-las.

Utilizar ferramentas para “proteger as pessoas delas mesmas” foi outro ponto levantado pelos especialistas. Programas de proteção contra vírus, como o Internet Security da Bitdefender, contam com proteção completa de dados, controle ativo de ameaças e outros recursos que protegem o computador sem prejudicar seu desempenho.


1 comentário em A Maior Parte dos Trabalhadores Utiliza Computadores Corporativos de Forma Arriscada, Aponta Pesquisa

  1. Elis

    Ótima matéria, eu trabalho com marketing em uma empresa de segurança de aplicações e entendo que isso é muito constante. Mal sabem o problema que podem causar, fora a navegação em sites “proíbidos” em maquinas que deveriam servir apenas para trabalho, deixando portas abertas para exploração de dados por pessoas mal intencionadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *