Seedrs atinge 100 milhões de libras em investimentos e lança campanha da portuguesa Climber Hotel

Seedrs atinge 100 milhões de libras em investimentos

A Seedrs, uma das principais plataformas de equity crowdfunding do mundo, acaba de atingir mais um marco histórico, ao gerar na sua plataforma, desde que foi lançada em 2012, mais de 100 milhões de libras (cerca de 130 milhões de euros) investidas em empresas na fase de arranque (“seed”).

Seedrs atinge 100 milhões de libras em investimentos

Só nos últimos três meses, o montante ascendeu a 18 milhões de libras, tendo algumas das empresas financiadas superado o investimento de 1 milhão de libras como os casos da Tossed (1.34 milhões de libras e 661 investidores) e a FreeAgent (que levantou 1.21 milhões de libras junto de 700 investidores).

A Seedrs, fundada por Carlos Silva e Jeff Lynn, já tinha registado em 2015 mais de 340 negócios, provenientes de 24 países e mais de 38.000 investimentos de investidores de 75 países.

Com este montante, a empresa luso-britânica torna-se num dos mais importantes investidores do Reino Unido em empresas na fase “seed”.

Portuguesa Climber Hotel lança campanha na Seedrs

Entretanto, a Climber Hotel, start-up portuguesa que desenvolveu uma solução inteligente de gestão de preços (Revenue Management) que ajuda os hotéis independentes a maximizarem receitas através de tarifas dinâmicas, acaba de lançar uma campanha na Seedrs.

Portuguesa Climber Hotel lança campanha na Seedrs

A empresa está a levantar 65.000 libras através de uma emissão de ações convertíveis, conversão que fica sujeita a uma nova emissão futura de pelo menos 450.000 libras. Quem investir agora receberá ações na empresa com um desconto de 30% sobre o preço da futura emissão.

A campanha está ativa aqui: https://www.seedrs.com/climber-hotel1

Emissões conversíveis são frequentemente utilizadas por empresas quando há uma expectável ronda de financiamento maior no futuro, e apenas se necessita de uma ronda mais pequena no mesmo período. Ao oferecer uma emissão convertível, a empresa não precisa colocar uma avaliação e, portanto, evita afetar futuras negociações com potenciais investidores.

Investir numa emissão conversível permite investir hoje e converter em capital no futuro, com um desconto em relação a outros investidores. Esta é uma estrutura muito comum usada por business angels e venture capitals em todo o mundo.

Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *