Palo Alto Networks regista recorde de receitas e fecha acordo com a Juniper Networks




A Palo Alto Networks anunciou os resultados financeiros para o terceiro trimestre fiscal de 2014, findo no passado dia 30 de abril.

As receitas totais para o terceiro trimestre fiscal cresceram 49 por cento (variação anual) para um valor recorde de 150,7 milhões de dólares, um número superior aos 101,3 milhões correspondentes ao mesmo período do ano anterior. O prejuízo líquido GAAP para o terceiro trimestre fiscal foi de 139,1 milhões de dólares, ou 1,86 dólares por ação diluída, comparado com 7,3 milhões, ou 0,10 dólares por ação diluída, para o terceiro trimestre fiscal de 2013.

As receitas líquidas não registadas pelo GAAP foram de 8,7 milhões de dólares, ou 0,11 dólares por ação diluída, em comparação com 5,3 milhões, ou 0,07 dólares por ação diluída, no terceiro trimestre de 2013. Pode encontrar no final deste documento uma relação entre GAAP e não-GAAP.

“Obtivemos receitas recorde no terceiro trimestre. Este facto fica a dever-se principalmente à forte procura gerada em torno da nossa plataforma de segurança empresarial de próxima geração. Assim, alcançámos a maior taxa de aquisição de novos clientes da nossa história e ajudamos agora mais de 17 mil utilizadores em todo o mundo a fazerem frente às suas necessidades de segurança e a prevenir os ataques online que são cada vez mais sofisticados e complexos – e capazes de comprometer os ativos críticos de uma organização”, refere Mark McLaughlin, Presidente e CEO da Palo Alto Networks. “Por outro lado, acabámos de tornar público o acordo com a Juniper Networks sobre todas as situações de litígio que mantemos. Desta forma, podemos alocar – ainda mais – recursos e tempo aos nossos clientes enquanto fazemos com que o nosso negócio continue a crescer”.

“O crescimento de 49% anual das receitas é o resultado do bom ritmo do nosso modelo de expansão e de solidificação da presença dos mercados, promovido pelo aumento das receitas, dos produtos e de subscrições”, explica Steffan Tomlinson, Director Financeiro da Palo Alto Networks. “O nosso modelo de SaaS híbrido permitiu-nos melhorar tanto a nossa margem de lucro bruto como a de operações, graças à geração de 28,4 milhões de dólares em fluxo de caixa livre no trimestre, um valor que se traduz num total de 83,2 milhões para o ano fiscal (até à data)”.

 

A Palo Alto Networks® (NYSE: PANW), líder em segurança empresarial, é representada em Portugal pelo Grupo Exclusive Networks, SuperVAD especializado em soluções de segurança informática, comunicações e mobilidade empresarial.

Artigo anteriorPróximo artigo
Avatar
é um dos fundadores do TecheNet, juntamente com Jorge Montez.. O design é uma das suas paixões, tendo criado o estúdio Parapluie que desenvolve trabalhos de webdesign e design gráfico para os mercados brasileiro e português.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.