projeto Life in a Car Press Release

Mostre o dia-a-dia no carro e seja estrela em filme da TomTom


Já se imaginou como estrela de um road movie? Pode ser que o seu sonho se torne realidade com o projeto Life in a Car da TomTom, uma curta-metragem colaborativa que estreia já em setembro.

A TomTom está a convocar os condutores de todo o mundo a envolverem-se na curta-metragem que celebra a vida na estrada. Desde a rotina diária aos momentos mais extraordinários, a TomTom pretende que os condutores captem e partilhem as suas experiências de condução favoritas para a possibilidade de participarem no filme, chamado Life in a Car.

A estrear em setembro deste ano, o filme vai ser composto inteiramente de gravações de vídeo elaboradas por condutores reais e vai ser realizado por Natalia Andreadis, que trabalhou com Ridley Scott no galardoado filme Life in a Day.

Andreadis afirma: “Life in a Car une os condutores de todo o mundo através da partilha das histórias do seu dia-a-dia no carro. Adoro trabalhar com pessoas e experiências reais e mal posso esperar para ver os vídeos fantásticos que os condutores vão partilhar connosco.”

Qualquer pessoa pode envolver-se no projeto submetendo as suas gravações através de uma app para smartphones especialmente desenvolvida para o efeito, ou fazer upload dos seus vídeos para a app do Facebook. O período de submissão dos vídeos começou ontem e manter-se-á até 15 de agosto.

Mas, atenção, a TomTom pede que se filme no carro mas não quando se está a conduzir. Paasse no site da iniciativa e veja os conselhos de como filmar em segurança. Os participantes devem descarregar a app TomTom Video Collaboration Community para os seus smartphones, registando-se através do e-mail ou do login ao Facebook, e depois selecionando o projeto Life in a Car.

Corinne Vigreux, co-fundadora e managing director da TomTom comenta: “A TomTom tem uma paixão genuína em ajudar pessoas a moverem-se. Estamos no coração de milhões de viagens de carro pelo mundo, todos os dias, e estamos muito entusiasmados em unir forças com os condutores para criarmos algo verdadeiramente único juntos. Na verdade, com veículos autónomos num futuro cada vez mais próximo, esta é a altura ideal para capturar aquilo que vivemos nos nossos carros, hoje, antes que a forma como os utilizamos mude para sempre.”