Orkut: dúvidas frequentes sobre a ‘morte’ da rede social

Mal os criadores do Orkut confirmaram a extinção da rede social até 30 de setembro deste ano, inúmeras foram as dúvidas que surgiram sobre o que seria feito com todo o conteúdo publicado na plataforma. Saiba como proceder a partir de agora!

Como salvar as informações publicadas no Orkut?

Basta clicar aqui para exportar os álbuns de fotos para o seu perfil no Google+ e, ainda, salvar no seu desktop demais dados, como informações de perfil, scraps, depoimentos e postagens em comunidades através do Google Takeout. Lembre-se que isso poderá ser feito até setembro de 2016.

É possível transferir um perfil do Orkut para o Google+?

Mais ou menos isso, visto que é possível vincular o perfil do Orkut ao do Google Plus em: Configurações > Google+ > Conectar seus perfis do Google+ e Orkut > Conectar contas.

O que acontecerá às comunidades?

Não será possível exportar comunidades. Contudo, pode-se criar uma comunidade no Google+ e depois conectá-la à já existente no Orkut. Deste modo, os participantes da antiga comunidade verão um banner com a informação de que aquele espaço também está disponível no Google Plus. Faça a ligação em: Configurações da comunidade > Google+ > Conectar essa comunidade.

Então, o que será feito das comunidades existentes na plataforma?

Todas as comunidades públicas serão salvas automaticamente em um arquivo chamado “Arquivo de Comunidades”, que o Google pretende deixar na internet como “lembrança histórica do Orkut.

As publicações dos utilizadores permanecerão também no “Arquivo de Comunidades”?

Isso dependerá de cada utilizador: caso queira manter seus tópicos, comentários e pesquisas como parte do “Arquivo de Comunidades”, não precisa fazer nada; mas quem preferir, poderá excluir postagens individuais ou todas de uma única vez.

E como fazer isso?

O utilizador pode procurar o que deseja que desapareça da plataforma e apagar o conteúdo, tarefa que pode ser executada até 30 de setembro. Outra opção é excluir o Orkut de sua Conta do Google, o que fará com que todas as interações desapareçam, juntamente com fotos, informações de perfil e mensagens.

Clique aqui > Ferramentas de dados > Excluir produtos > Remover Orkut permanentemente. (pode ser feito mesmo depois de 30 de setembro.)

O que fazer se sou dono de uma comunidade e não a quero no “Arquivo”?

Depois de 30 de setembro, caso as configurações de privacidade permitam que a comunidade seja vista por qualquer utilizador, ela passa automaticamente para o “Arquivo de Comunidades”. Para impedir que isto aconteça, o utilizador deve ir às configurações da comunidade, em Privacidade e Segurança, e desmarcar a opção “mecanismos de pesquisa como o Google e utilizadores que não fazem parte do Orkut podem encontrar minha comunidade e seus tópicos”.

Em caso de outras dúvidas, clique aqui e saiba mais!

Via Olhar Digital

Artigo anteriorPróximo artigo
Cláudia Assis
Jornalista, Assessora de Comunicação e Gestora de Marcas nas redes sociais, Cláudia Assis tenta definir a si mesma como "uma menina multitask". Aquariana [logo vanguardista!] e nômade por natureza, viu a sua vida ser conduzida numa viagem transatlântica rumo a Portugal. O objetivo inicial era um mestrado em Ciências da Comunicação mas, desde então, vive num enamoramento constante com a terra de Pessoa. E, assim como o poeta, ela é também muitas "pessoas". CAssis é uma delas [talvez a mais intensa] e que nada mais é que uma versão 2.0 de si mesma, um alter-ego nas redes sociais. O que “ambas” têm em comum? Falam muito. Sobre tudo e todos. Têm sempre uma opinião a dar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.