Formate seus trabalhos acadêmicos “like a boss”!

por Geotrac/istockphoto

Só quem já passou pelas dores e delícias do passo-a-passo de um trabalho acadêmico sabe bem que qualidade argumentativa e pesquisa refinada não são as únicas preocupações e que há outra exigência bem mais específica a ser considerada: a formatação nos padrões da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Para facilitar essa tarefa, surge o softwareMonografando”, que permite ao utilizador a produção do trabalho com edição automática dentro das regras de formatação.

Compatível apenas com plataformas Windows XP/Vista/7 e disponível para download gratuito, a ferramenta apresenta uma interface simples, no estilo “formulário”, bastando apenas preencher os campos requeridos e dar início à montagem básica do trabalho.

Como funciona o software?

 

Ao iniciar o Monografando, a primeira área a ser preenchida é o “Arquivo”, onde será necessário inserir os dados acerca do trabalho, como o título, orientador e, até mesmo, nome dos integrantes do grupo. Essa área resultará na capa e a folha de rosto do trabalho acadêmico.

O software oferece ao utilizador recursos como deixar o texto em negrito e itálico.
O software oferece ao utilizador recursos como deixar o texto em negrito e itálico.

A seguir, o utilizador encontrará a divisão “Capítulos” que (como o próprio nome já diz) permite que seja inserido todo o desenvolvimento do projeto, sendo possível incluir subtítulos, citações, imagens e tabelas, além de um espaço reservado para a composição do resumo (abstract), com limite de caracteres conforme as Normas da ABNT e área para a inserção de palavras-chave.

Atenção: embora haja um campo para o resumo em um 2º idioma, o programa não traduz automaticamente o conteúdo!

A área “Outros” deve ser preenchida com a dedicatória, agradecimento e epígrafe. Além disso, as referências são feitas pelo próprio programa, bastando apenas preencher todas as áreas solicitadas.

As referências bibliográficas são criadas automaticamente pelo próprio software.
As referências bibliográficas são criadas automaticamente pelo próprio software.

Quando o projeto estiver finalizado, basta ir à área “Arquivos” e clicar na opção “Gerar”. Com isso, o trabalho será montado na ordem correta, permitindo a criação de dois tipos de arquivo: DOC e PDF.

Via Catraca Livre

Artigo anteriorPróximo artigo
Cláudia Assis
Jornalista, Assessora de Comunicação e Gestora de Marcas nas redes sociais, Cláudia Assis tenta definir a si mesma como "uma menina multitask". Aquariana [logo vanguardista!] e nômade por natureza, viu a sua vida ser conduzida numa viagem transatlântica rumo a Portugal. O objetivo inicial era um mestrado em Ciências da Comunicação mas, desde então, vive num enamoramento constante com a terra de Pessoa. E, assim como o poeta, ela é também muitas "pessoas". CAssis é uma delas [talvez a mais intensa] e que nada mais é que uma versão 2.0 de si mesma, um alter-ego nas redes sociais. O que “ambas” têm em comum? Falam muito. Sobre tudo e todos. Têm sempre uma opinião a dar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.