Mantenha os perigos da Internet longe de sua família com estas 4 dicas

Mantenha os perigos da Internet longe de sua família com estas 4 dicas

A Internet é uma coisa incrível não importa de qual geração você veio. Para os usuários mais velhos, é uma forma de se comunicar com os amigos e a família, se manterem mentalmente saudáveis, participar de suas atividades favoritas, e planejar / planear viagens maravilhosas.
Para os adultos, é uma forma de trabalhar em casa, vigiar e controlar a atividade dos seus filhos, começar um negócio, comunicar com os amigos e tudo mais o que possam imaginar.
Para as crianças a internet é um paraíso de sites educacionais, permite-lhes conhecer lugares, assistir os seus programas de TV favoritos, ler livros online, ver filmes e praticar as suas habilidades sociais com os amigos. Esta é a melhor parte da Internet, mas infelizmente, ela não é a única.
Mesmo com todo o planejamento / planeamento social, todo o conteúdo educacional e todas as verdadeiras funções especiais da Internet, há também milhares de pessoas que criam sites falsos, desenvolvem malwares, espalham conteúdo malicioso e andam pelas sombras tentando tirar vantagem de você e de sua família.
Ter um nível adequado de proteção não é mais uma escolha, é fundamental ter um ótimo programa antivírus combinado com boas regras e medidas preventivas para proteger a sua família quando estiverem online.




Aqui vão algumas dicas para proteger a sua família online:

Não abra e-mails de estranhos

Os e-mails de spam e de golpes foram feitos para capturar o seu interesse e fazer com que você os abra ou clique em link sem sequer ler o texto inteiro. Estes e-mails geralmente redirecionam para uma página diferente na Internet onde os hackers tentam executar um golpe de phishing na sua conta – roubando as suas informações ou fazendo com que as digite você mesmo para conhecer os seus detalhes pessoais ou os seus registos financeiros.

Não clique em aplicativos ou pop-ups estranhos no dispositivo mobile

O clique pode acontecer por acidente ou por pura curiosidade, quando um pop-up ou um anúncio de aplicativo aparece em seu celular oferecendo um prémio, ofertas gratuitas, descontos especiais, etc. Raramente algo é oferecido de graça na Internet e os aplicativos que o obrigam a baixar alguma coisa são quase sempre maliciosos, geralmente contendo algum tipo de vírus, cavalo de tróia ou spyware e ransomware, para interferir com os seus processos e roubar todas as informações que puderem.

A proteção de senhas é um dever de todos

“12345” não é uma senha, muito menos a palavra “Senha”. Essas são duas das escolhas mais idiotas e mais usadas no mundo todo e os hackers torcem para que você as use, para que possam invadir o seu sistema com facilidade. Todos os membros da sua família que possuírem uma conta online precisam ter uma senha pessoal segura e criativa, que seja alterada a cada 60 ou 90 dias e que possa aguentar as tentativas de decifrá-la para invadir a sua conta. Lembre-se também de ensinar aos seus filhos a nunca compartilhar a senha, mesmo com os melhores amigos. Esta é a forma mais fácil de comprometer a sua conta e deixar que os hackers entrem pela porta da frente.

Use a criptografia quando possível

Seja com uma VPN, com um e-mail criptografado, ou com um sistema mensageiro encriptado de ponta-a-ponta, a criptografia é uma ótima opção para as pessoas, já que ela impede que os outros vejam os seus dados sem permissão. Tente usá-la, principalmente se você estiver conectado online num lugar com rede WiFi aberta, como uma biblioteca ou um restaurante.

Artigo anteriorPróximo artigo
Fabio Oliveira
é formado em Informática e Tecnologia da Informação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Com foco principal no mercado de games também tem grande interesse pela área de tecnologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.