Xiaomi Mi 11 apareceu no Geekbench e vai chegar com o Snapdragon 875

Xiaomi Geekbench Snapdragon 875

Com o aproximar do final do ano, as informações sobre a próxima geração de smartphones topo de gama começam a chegar em força. A mais recente é sobre o Xiaomi Mi 11, um smartphone que promete deliciar os fãs da marca.

Publicidade
Loading...

Como seria de esperar, o próximo topo de gama da Xiaomi vai chegar com o novo processador da Qualcomm. Ainda que não tenha sido apresentado oficial, já sabemos alguns detalhes sobre o Snapdragon 875.

Agora, através do leaker Digital Chat Station, temos acesso a mais resultados do Xiaomi Mi 11 na plataforma Geekbench, confirmando algumas das suas especificações.

Detalhes do Xiaomi Mi 11 confirmados pela Geekbench

Ainda que não sejam muitos os detalhes confirmados por este tipo de teste, deixam-nos alguns detalhes interessantes.

Além da presença do processador Qualcomm Snapdragon 875, esta versão do Mi 11 apresenta 6GB de memória RAM e Android 11, acompanhado certamente pela interface MIUI.

Geekbench Xiaomi Mi 11 Snapdragon 875

Curiosamente, os resultados apresentados deixam a desejar, revelando uma marginal superioridade face ao SD865+. Sendo fabricado com um processo de 5nm, espera-se que o Snapdragon 875 consiga garantir uma performance muito superior.

Por isso, é muito provável que estes resultados tenham sido negativamente influenciados pelo facto de se tratar ainda de um protótipo. Habitualmente, este tipo de unidades nunca tiram proveito das suas capacidades, devido à falta de otimizações.

Quando poderá a Xiaomi lançar o seu próximo topo de gama

Ainda não existem detalhes sobre uma possível data de lançamento para o Xiaomi Mi 11. No entanto, é possível que isso venha a acontecer já no início do próximo ano.

Todos os anos vemos as várias marcas apressarem o lançamento dos seus topos de gama, para que sejam das primeiras a ter smartphones no mercado com o novo processador da Qualcomm.

Considerando que a Samsung deverá apresentar o Galaxy S21 já no dia 14 de janeiro, é provável que a Xiaomi venha a tentar antecipar-se à rival sul-coreana.

Outros artigos interessantes:

via: Notebook Check

Artigo anteriorPróximo artigo
João Silva
A paixão por tecnologia já corre há muitos anos, separando os tempos livres entre a pesquisa de novas aplicações para o telemóvel e os mais recentes jogos para a Nintendo Switch.