Quero morar nos teus olhos, amor!

Vem.
E traz o vinho, meu bem.
Maduro tinto, não te esqueças.
Ah! Por favor, não te demores.
Já há muito que anseio o fim da tua ausência.
Aviso-te: quero que fiques [em mim].
Quero embriagar-me [de ti].
Vem.
E traz contigo o amor, meu bem.
Espero-te acordada, prometo.
Vamos morar nos olhos um do outro.
E se ousares vir, menino, garanto-te que ficas para nunca mais partir!
[…]
Não podes dizer que não te chamei, menino.
Chamei sim!
E esperei um tanto.
E como não vinhas nunca mais…
Fui ali sonhar uns sonhos.
Artigo anteriorPróximo artigo
Cláudia Assis
Jornalista, Assessora de Comunicação e Gestora de Marcas nas redes sociais, Cláudia Assis tenta definir a si mesma como "uma menina multitask". Aquariana [logo vanguardista!] e nômade por natureza, viu a sua vida ser conduzida numa viagem transatlântica rumo a Portugal. O objetivo inicial era um mestrado em Ciências da Comunicação mas, desde então, vive num enamoramento constante com a terra de Pessoa. E, assim como o poeta, ela é também muitas "pessoas". CAssis é uma delas [talvez a mais intensa] e que nada mais é que uma versão 2.0 de si mesma, um alter-ego nas redes sociais. O que “ambas” têm em comum? Falam muito. Sobre tudo e todos. Têm sempre uma opinião a dar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.