Larry Ellison aponta o rumo da evolução para futuro da cloud

Larry Ellison aponta o rumo da evolução para futuro da cloud

Na sessão de abertura do Oracle OpenWorld, Larry Ellison, Oracle Executive Chairman e CTO da Oracle partilhou a sua visão sobre a segunda geração da computação na nuvem tecnologicamente mais avançada e segura do que qualquer outra cloud no mercado e especificamente desenvolvida para as empresas.




Enquanto as plataformas de cloud de primeira geração foram construídas tendo por base tecnologias com mais de uma década, a Gen 2 da Oracle foi especificamente desenvolvida com base nas últimas tecnologias para ajudar as empresas a executarem as cargas de trabalho mais exigentes em segurança. Dotada de uma arquitetura e recursos únicos, a Oracle Cloud oferece níveis ímpares de segurança, de desempenho, e de economia de custos.

Adicionalmente, apenas a Oracle Gen 2 Cloud foi desenvolvida para executar em pleno a Oracle Autonomous Database, a primeira e única base de dados autónoma da indústria.

A base da Gen 2 da Oracle, a Cloud Infrastructure, foi concebida para executar qualquer volume de cargas de trabalho empresarial em segurança. O moderno IaaS da Oracle oferece suporte nativo para a Oracle Autonomous Database e novos níveis de segurança de proteção totalmente transversais ao sistema que preservam os dados críticos das empresas.

“O principal objetivo de conceção da Gen 2 Cloud da Oracle foi criar uma plataforma segura para executar tudo. É fácil de dizer mas muito difícil de fazer: construir uma cloud segura. Para alcançarmos este objetivo, foi necessário proceder a uma revisão fundamental da arquitetura da nossa nuvem “, refere Larry Ellison.

Na sua apresentação, Larry Ellison debruçou-se longamente sobre o estado atual da ciberdefesa, sublinhando que esta, “não é suficientemente boa”. Para resolver esta questão essencial, a Oracle anunciou a disponibilização de novos serviços de segurança altamente automatizados, preditivos e com funcionalidades de deteção de ameaças melhoradas para ajudar as empresas a responderem aos desafios da segurança na Oracle Cloud Infrastructure.

“Utilizámos muita tecnologia de inteligência artificial e de aprendizagem automática (“machine learning”) para detetar as ameaças. E estamos agora mais e melhor capacitados para responder a estes desafios”, afirmou Larry Ellison.

Ellison explicou, também, como, ao reforçar a segurança inigualável da Oracle Cloud, a Autonomous Database da Oracle afere de forma única as ciberameaças e aplica as atualizações de segurança, com o sistema em execução, evitando ciberataques e roubos de dados.

Aquele responsável também debateu os recursos da Oracle Autonomous Database, a base de dados mais popular e tecnologicamente avançada do mundo.

A Oracle Autonomous Database, que revoluciona a gestão dos dados, gere, ajusta e corrige-se a si mesma, permitindo que os utilizadores inovem mais rapidamente numa plataforma altamente segura e que paguem apenas o que usam.

Referindo-se às funcionalidades da Autonomous Database da Oracle, Larry Ellison apresentou uma pré-visualização das novas opções de implementação, incluindo a Exadata Cloud Infrastructure dedicada e a Cloud at Customer. Os clientes podem optar por implementar a sua Autonomous Database, em Exadata Cloud Infrastructure dedicada para garantirem o isolamento das cargas de trabalho e obterem níveis acrescidos de segurança e fiabilidade.

A Oracle Autonomous Database Cloud at Customer é ideal para clientes interessados em não usar uma cloud pública por causa das exigências legais, mas que queiram usufruir de todos os benefícios da Oracle Autonomous Database no seu próprio centro de dados.

Larry Ellison também partilhou os resultados do “benchmark” realizado durante pequenas demonstrações que destacaram a enorme lacuna nos níveis de desempenho entre a oferta da Oracle e da Amazon, com claras vantagens alcançadas pela Oracle.

Os “benchmarks” realizados compararam a Oracle Autonomous Database face às principais ofertas da Amazon: a execução da Oracle Database suportada pelo Amazon Relational Database Service (RDS), Amazon Aurora e Amazon Redshift. As comparações diretas revelaram também a capacidade da Oracle Autonomous Database para continuar a correr sem interrupções durante as atualizações das bases de dados, sublinhando a diferença entre os níveis de fiabilidade e disponibilidade dos SLAs da Amazon, que excluem a maioria das fontes de inatividade planeada e imprevista, e as garantias de 99,995% oferecidas pelos SLAs da Oracle.

Sobre a Oracle Cloud Infrastructure

A Oracle Cloud Infrastructure á a plataforma empresarial Infrastructure as a Service (IaaS). Milhares de empresas em todo o mundo confiam na Oracle Cloud para correrem as suas aplicações cloud native com níveis de desempenho e segurança críticos e fundamentais. Ao correrem quer as cargas de trabalho tradicionais quer as novas numa nuvem abrangente que inclui computação, armazenamento, networking, bases de dados e containers, a Oracle Cloud Infrastructure aumenta substancialmente os níveis de eficiência operacional e diminui os custos de propriedade. Mais informação disponível em https://cloud.oracle.com/iaas.

Sobre a Oracle

A Oracle Cloud disponibiliza uma oferta completa de aplicações SaaS para ERP, HCM e CX, além da melhor base de dados do mundo em Platform as a Service (PaaS) e da oferta de Infrastructure as a Service (IaaS) a partir dos seus centros de dados nas regiões das Américas, Europa e Ásia. Mais informações sobre a Oracle (NYSE: ORCL) disponíveis em https://cloud.oracle.com.

Sobre o Oracle OpenWorld

O Oracle OpenWorld, a conferência mais importante do setor à escala mundial nos últimos 20 anos, acolhe milhares de participantes no local bem como outros tantos milhares online. Dedicada a ajudar as empresas a melhorarem a adotação e a utilização da Cloud nos seus esforços de inovação e crescimento, esta conferência oferece conhecimentos profundos sobre as principais tendências da indústria e os mais recentes progressos impulsionados pela tecnologia. Com centenas de demonstrações e laboratórios práticos, além de uma área de exposição que acolhe mais de 250 parceiros e clientes de todo o mundo, o Oracle OpenWorld tornou-se uma montra das tecnologias cloud, desde as aplicações cloud até ás plataformas e infraestruturas cloud. Para obter mais informações; para se registrar; ou para assistir
às keynotes e às sessões Oracle OpenWorld, visite www.oracle.com/openworld.

*Este artigo é um comunicado de imprensa da Oracle

Artigos recomendados:

Ransomware: 5 formas de evitar que uma empresa seja vítima

Java SE 11: Oracle Acelera Produtividade com Nova Versão

Cryptomining duplica e as Infraestruturas Cloud são o novo alvo

Artigo anteriorPróximo artigo
é um dos fundadores do TecheNet, juntamente com Jorge Montez.. O design é uma das suas paixões, tendo criado o estúdio Parapluie que desenvolve trabalhos de webdesign e design gráfico para os mercados brasileiro e português.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.