Check Point apresenta SandBlast para a Educação para proteger as salas de aula

Sandblast para a Educação

A Check Point anuncia o SandBlast para a Educação. Uma solução com o mais alto nível de segurança para as escolas que utilizam Google Chromebooks. Oferecendo uma extensão de fácil instalação no browser Chrome com capacidade de integrar com o G-suite, o SandBlast para a Educação enquadra-se na atual infraestrutura de cibersegurança das escolas, e também ajuda a cumprir as regulamentações do CIPA (Children’s Internet Protection Act).




Desenvolvido para controlo de conteúdos esta é uma solução de cibersegurança para os dispositivos disponibilizados pelas escolas que torna a aprendizagem online mais segura com recurso às melhores funcionalidades e tecnologias de segurança do mercado.

As salas de aulas estão cada vez mais ligadas à internet, o qual oferece aos professores flexibilidade de combinar o ensino tradicional com os diversos recursos online, mas muitas vezes a tecnologia não é utilizada da melhor forma. Quase 90 porcento dos alunos entre os 4 e os 12 anos já viram os seus colegas serem vítimas do ciberbullying, enquanto que mais de 90 porcento dos alunos entre os 8 e os 19 anos já foram expostos a pornografia online. Há um ano, o Ministério da Educação dos EUA emitiu um alerta para os agrupamentos escolares, advertindo que “há muito tempo as escolas têm sido alvo para os ciberladrões e cibercriminosos.” A internet dever ser um recurso e não uma preocupação para a educação das crianças.

“De acordo com o CIPA (Children’s Internet Protection Act), é responsabilidade da escola proteger os alunos enquanto utilizam os dispositivos da escola, tanto dentro como fora das suas instalações”, comenta Tal Eisner, Head of Product Marketing Emerging products da Check Point. “O SandBlast para a Educação vai permitir aos professores supervisionar os seus alunos, monitorizar a atividade online, bloquear as páginas de redes sociais com palavras chave específicas ou ofensivas, e vai prevenir que os alunos publiquem mensagens com conteúdos inapropriados.”

O SandBlast para a Educação protege contra ataques de phishing e ficheiros maliciosos, faz uma limpeza automática aos documentos com conteúdos potencialmente maliciosos que foram descarregados, analisa as ameaças e converte os ficheiros para PDF de modo a garantir a segurança quando necessário. A solução inclui uma funcionalidade de anti-bullying que bloqueia as palavras chave e emite um alerta aos alunos antes que publiquem conteúdos ofensivos. Por ter uma deteção dinâmica, que bloqueia websites de phishing, o SandBlast para a Educação previne que os alunos providenciem os dados pessoais e informação privada a cibercriminosos.

Com uma integração completa com as soluções Google, o SandBlast para a Educação foi desenvolvido para ser facilmente configurado no browser Google Chrome. Com mais de 20 milhões de alunos a utilizar dispositivos, os Google Chromebooks tem uma quota de mercado de 49 porcento, o qual o torna no dispositivo portátil mais utilizado pelos alunos.

Artigo anteriorPróximo artigo
Nilton é um entusiasta das novas tendências tecnológicas e do impacto que estas têm nas organizações e no nosso dia a dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.