Microsoft abre um centro contra crimes informáticos

Microsoft-Digital-Detectives

O centro irá principalmente tentar deter o que chamamos de “computadores zoombies”. O objetivo destes ataques é infetar o maior número de computadores pessoais e de empresas e ficar a aguardar ordens do seu criador.

O malware guarda passwords, dados de bancos, etc. Assim que o seu criador os acorda estes enviam-lhe todos os dados, permitindo assim movimentar saldo bancário e outras informações importantes.

Na imagem abaixo podemos ver as regiões mas infetadas.

Heat maps showing the intensity of the Citadel botnet by location. All told, Citadel malware was used to steal half a billion dollars from people and businesses.

Podem ver a história completa em: http://www.microsoft.com/en-us/news/stories/cybercrime/index.html

Artigo anteriorPróximo artigo
Carlos Castro Henriques
Trabalha na CiberConceito como programador. Tem como interesse Programação, Programação Web, Segurança Informática, Tecnologia e Veículos Motorizados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.