Crackers atacam Microsoft após engenheiro do Google revelar falha de segurança

Crackers atacam Microsoft após engenheiro do Google revelar falha de segurança

Através de um comunicado divulgado nesta última quarta-feira (10), a Microsoft confirmou que crackers atacaram alguns de seus computadores explorando uma falha no Windows. O bug foi exposto em maio deste ano pelo engenheiro de segurança do Google, Tavis Ormandy, que não chegou a comunicar a empresa de Steve Ballmer sobre o problema.




A Microsoft não forneceu detalhes mais precisos sobre os ataques, informando apenas que os invasores promoveram “ataques direcionados”, termo utilizado para descrever ataques cibernéticos a alvos corporativos ou governamentais, motivados por espionagem e sabotagem.

Geralmente, as vulnerabilidades encontradas em um sistema são informados a empresa responsável de maneira privada, no entanto Ormandy optou por divulgar a falha de forma pública no site SecLists. Tal atitude gerou muita polêmica na época, principalmente com as declarações do engenheiro do Google que chegou a dizer que ele não tem “tempo para trabalhar no código bobo do Windows”.

Procurados pela imprensa internacional, funcionários da Microsoft e um porta-voz do Google se recusaram a comentar sobre o assunto. Entretanto, sabe-se que a falha já foi corrigida no Patch Tuesday deste mês que englobou desde o sistema operativo Windows 8 até ao antigo Windows XP, como adiantado pelo Tech&Net nesta última terça-feira (09).

Artigo anteriorPróximo artigo
Aline Ferreira
Professora de Matemática apaixonada pelo universo tecnológico e todas as suas genialidades.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.